Lista de arranha-céus de Balneário Camboriú

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Uma vista a partir da Barra Sul da praia de Balneário Camboriú.

Esta é a lista de arranha-céus de Balneário Camboriú, município brasileiro localizado no litoral do estado de Santa Catarina. Iniciada no século XXI, com a demolição de hotéis e a construção de grandes prédios, a verticalização da cidade de Balneário Camboriú transformou a paisagem da praia central.[1][2] Pela grande quantidade de edifícios deste porte que a cidade abriga, a mesma tornou-se conhecida pela mídia como a "Dubai brasileira", em referência à cidade dos Emirados Árabes Unidos que possui diversos prédios entre os mais altos do mundo.[3]

Balneário Camboriú possui o maior prédio do Brasil atualmente, sendo este o Millennium Palace, localizado na área central da cidade.[4] Com construção finalizada em 2014, o arranha-céu possui 177 metros e 46 andares, superando a marca anterior que era do Mirante do Vale, localizado na cidade de São Paulo, com 170 metros de altura.[5] Um ano antes, em 2013, com a entrega das torres gêmeas do Villa Serena, estes arranha-céus tornaram-se os maiores prédios residenciais do país.[6]

Atualmente em construção, o edifício One Tower está com conclusão prevista para 2022, e quando entregue, será o maior prédio em altura do Brasil, com 280 metros e 74 andares, sendo o 331º maior arranha-céu do mundo.[7] Nos próximos anos, a cidade deve ter os oito prédios mais altos do Brasil, sendo que todos eles terão altura superior ao Millennium Palace.[8][9]

Atuais[editar | editar código-fonte]

Millennium Palace, o arranha-céu mais alto do país.
# Nome Altura (m) Andares Ano de conclusão Ref.
1 Millennium Palace 177 46 2014 [4]
2 Alameda Jardins Residence 174 45 2016 [10]
3 Império das Ondas 165 51 2016 [11]
4 Villa Serena Torre A 164 46 2013 [12]
Villa Serena Torre B 164 46 2013 [13]
6 Vision Tower 160 38 2017 [14]
7 Ocean Palace 152 42 2012 [15]
8 Ibiza Tower B (Torre Central) 150 43 2015 [16]
9 Praia do Sol 145 38 2002 [17]
10 Torre de Lyon 141 40 2010 [18]
Residencial Dalcelis 141 41 2014 [19]
Lumière Residence 141 41 2015 [20]
Sky Tower 141 39 2017 [21]
14 Ibiza Tower A (Torre Norte) 140 39 2014 [22]
Marina Beach Tower 1 (Torre Atlantic) 140 34 2014 [23]
Ibiza Tower B (Torre Sul) 140 39 2016 [24]
17 Four Seasons Residence 139 41 2014 [25][26]
18 Edifício Apogee 137 37 2016 [27]
19 Metrópolis 134 40 2010 [28]
20 Alexandria 126 36 2008 [29]
21 Condomínio Barra Tower 123 37 2008 [30]
22 Barra Tower 122 40 2013 [31]
23 Sea's Palace Residence 114 34 2011 [32]
24 Residencial Renaissance Torre A 111 36 2010 [33]
Residencial Renaissance Torre B 111 36 2010 [34]

Em construção[editar | editar código-fonte]

One Tower, prédio que quando concluído será o mais alto do país.
Nome Altura (m) Andares Ano de conclusão
(previsto)
Ref.
One Tower 280 77 2022 [35]
Yachthouse Residence Club Torre 1 277 80 2018 [36]
Yachthouse Residence Club Torre 2 277 80 2018 [37]
Infinity Coast 240 66 2017 [38]
Epic Tower 220 58 2018 [39]
Edifício Pharos 177 48 2021 [40]
Splendido 176 50 2018 [41]
Olympo Tower 157 44 2019 [42]
Serendipity Village 152 45 2021 [43]
H. Pio Infinity 152 41 2022 [44]
Argos Residence 150 43 2019 [45]
Marina Beach Towers - Torre Pacific 140 34 2017 [46]

Cronologia dos prédios mais altos[editar | editar código-fonte]

O primeiro prédio de Balneário Camboriú que se tem registros exatos sobre a altura é o Santos Dumont, que foi construído em 1990 e é denominado residencial, ou seja, não se configura como um arranha-céu, o qual possui 75 metros de altura e 23 andares.[47] Três anos depois, em 1993, foi inaugurado o Edifício Champagne, com 116 metros de altura e 33 andares, mas que também não possui o formato de um arranha-céu.[48] Manteve o título de prédio mais alto da cidade até o ano de 2002, quando foi concluída a primeira construção de um arranha-céu na cidade, denominado Praia do Sol, com 145 metros e 38 andares.[17]

Atualmente o nono maior arranha-céu do município de Balneário Camboriú, o Praia do Sol esteve por dez anos na condição de maior construção da cidade, até serem finalizadas as obras do Ocean Palace, no ano de 2012, que passou a contar com 152 metros e 42 andares.[15] No entanto, um ano após, as torres gêmeas do Villa Serena, conhecidas como Villa Serena A e Villa Serena B foram entregues, sendo que ambas possuem 164 metros e 46 andares.[12][13] No ano seguinte, em 2014, foi inaugurado o Millennium Palace, que com treze metros a mais e o mesmo número de andares dos anteriores tornou-se o maior edifício de Balneário Camboriú e do Brasil.[4]

Nome Altura (m) Andares Anos como o maior Ref.
Santos Dumont 75 23 1990-1992 [47]
Edifício Champagne 116 33 1993-2001 [48]
Praia do Sol 145 38 2002-2011 [17]
Ocean Palace 152 42 2012 [15]
Villa Serena A 164 46 2013 [12]
Villa Serena B [13]
Millennium Palace 173 46 2014-presente [4]
Yachthouse Residence Club Torre 1 277 80 2018
Yachthouse Residence Club Torre 2 277 80 2018

Referências

  1. «Prédios mais altos do país cobrem o sol em Balneário Camboriú (SC)». Folha Online. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  2. «Balneário Camboriú troca hotéis antigos por arranha-céus de luxo». Folha Online. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  3. «"Dubai brasileira" em Santa Catarina reúne os prédios mais altos do país». Gazeta do Povo. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  4. a b c d «Millennium Palace». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  5. «Mirante do Vale, o maior arranha-céu da cidade». SPCity. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  6. «Prédio residencial mais alto do Brasil é inaugurado em Balneário Camboriú». G1. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  7. «O que Arábia Saudita e Balneário Camboriú têm em comum: os edifícios mais altos do planeta e do país». Veja. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  8. «Disputa entre construtoras muda a paisagem de Balneário Camboriú». Diário Catarinense. 7 de julho de 2014. Consultado em 1º de março de 2017. 
  9. «Os 10 prédios mais altos do Brasil – Balneário Camboriú – SC». Viagens e Caminhos. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  10. «Alameda Jardins Residence». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  11. «Império das Ondas». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  12. a b c «Villa Serena Torre A». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  13. a b c «Villa Serena Torre B». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  14. «Vision Tower». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  15. a b c «Ocean Palace». Skyscrapercenter. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  16. «Torre Central». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  17. a b c «Praia do Sol». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  18. «Torre de Lyon». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  19. «Residencial Dalcelis». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  20. «Lumière Residence». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  21. «Sky Tower». SkyScraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  22. «Torre Norte». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  23. «Torre Atlantic». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  24. «Ibiza Tower Sul». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  25. «Four Seasons Residence». Skyscrapercenter. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  26. «Empreendimento de alto padrão com 139 m de altura será inaugurado em 9 de maio em Camboriú - SC». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  27. «Apogee». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  28. «Metrópolis». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  29. «Alexandria». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  30. «Condomíno Barra Tower». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  31. «Barra Tower». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  32. «Sea's Palace Residence». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  33. «Renaissance Torre A». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  34. «Renaissance Torre B». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  35. «One Tower». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  36. «Yachthouse Residence Club 1». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  37. «Yachthouse Residence Club 2». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  38. «Infinity Coast». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  39. «Epic Tower». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  40. «Edifício Pharos». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  41. «Splendido». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  42. «Olympo Tower». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  43. «Serendipity Village». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  44. «H. Pio Infinity». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  45. «Argos Residence». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  46. «Marina Beach Towers - Torre Pacific». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  47. a b «Santos Dumont». Skyscraper Center. Consultado em 25 de julho de 2017. 
  48. a b «Edifício Champagne - Balneário Camboriú». Emporis. Consultado em 25 de julho de 2017. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]