Platina 220

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Platina 220
Platina 220 1.jpg

Obras do Platina 220 em outubro de 2021

História
Arquiteto
Königsberger Vannucchi Arquitetos Associados
Gestor
Porte Engenharia
Período de construção
2018 - atualmente
Abertura
prevista para 2022
Status
em construção
Uso
misto
Arquitetura
Estilo
Altura
172 metros
Pisos
46 andares
Localização
Localização
Endereço
Rua Bom Sucesso, 220 - Tatuapé
São Paulo
Flag of Brazil.svg Brasil
Coordenadas

O Platina 220 é um arranha-céu de uso misto em construção localizado no bairro do Tatuapé, na zona leste de São Paulo.[1] Será composto por hotel, apartamentos residenciais, salas comerciais e lajes corporativas. Sua construção se iniciou em 2018 e está previsto para ser entregue em 2022.[2]

Em março de 2021, quando o seu 50.º e último andar foi concluído a 172 metros de altura, o edifício tornou-se o mais alto da cidade de São Paulo, dois metros a mais que o até então recordista, o edifício Mirante do Vale, que permaneceu na posição por mais de cinquenta anos. A cerca de 2 km, está o Figueira Altos do Tatuapé, inaugurado em 2021 e se tornou o maior residencial e o terceiro edifício mais alto da cidade.[3] Ainda na fase de projeto, o Platina 220 conquistou o selo internacional de sustentabilidade AQUA-HQE, da Fundação Vanzolini.[4]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Suas obras iniciaram em setembro de 2018 em um terreno localizado na rua Bom Sucesso, no bairro do Tatuapé, atrás do Shopping Metrô Tatuapé e da estação Tatuapé do Metrô de São Paulo. O edifício contará com um complexo de lojas localizadas no térreo do edifício e uma torre segmentada com hotel, apartamentos residenciais, salas comerciais e lajes corporativas.[5][6]

O projeto foi concebido pelo escritório de arquitetura Königsberger Vannucchi, sob encomenda da Porte Engenharia, sendo divulgado e anunciado pela empresa como um projeto baseado em conceitos e regulações do atual Plano Diretor de São Paulo e como parte de um conjunto de empreendimentos da mesma empresa na região denominado "Eixo Platina".[5][7]

Sua inauguração estava prevista para 2021, porém, recentemente foi adiada para fevereiro de 2022.[1]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Platina 220 - Porte Engenharia». porte.com.br. Consultado em 16 de março de 2021 
  2. «Novo polo de arranha-céus, Tatuapé terá maior prédio de SP». Terra. Consultado em 16 de março de 2021 
  3. Paulo, Paula Paiva. «Novo prédio mais alto de São Paulo será inaugurado em 2022 no Tatuapé; veja vídeo». G1. Consultado em 4 de outubro de 2021 
  4. «Projeto Platina 220 recebe selo internacional de sustentabilidade». INFRA FM. Consultado em 4 de outubro de 2021 
  5. a b Engenharia, Inovatech. «"Platina 220", da Porte, recebe selo AQUA-HQE na fase Projeto». Inovatech Engenharia. Consultado em 16 de março de 2021 
  6. «Novo polo de arranha-céus, Tatuapé inaugurará maior prédio de São Paulo [26/10/2020]». www.bol.uol.com.br. Consultado em 16 de março de 2021 
  7. «» Eixo Platina → Saiba Tudo Sobre o Projeto da PORTE no Tatuapé». iApartamentos. 22 de janeiro de 2019. Consultado em 16 de março de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre um edifício é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.