Hospital Alemão Oswaldo Cruz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicione esta.
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou se(c)ção:

O Hospital Alemão Oswaldo Cruz foi fundado em 26 de setembro de 1897 por um grupo de imigrantes de língua alemã, liderado pelo empresário e cônsul honorário da Alemanha na época, Anton Zerrener. O objetivo era constituir uma instituição de saúde que atendesse integrantes da colônia e a população em geral, como forma de retribuição pelo acolhimento que receberam quando desembarcaram no Brasil.

O terreno próximo à Avenida Paulista, ainda com características rurais, foi adquirido em 1905, após campanhas de arrecadação de fundos. Esses recursos viabilizaram, 17 anos depois, a efetiva construção do projeto arquitetônico de Curt Hildebrand, que até hoje caracteriza o complexo do Hospital no bairro do Paraíso, em São Paulo (SP).

Desde o início, a trajetória do Hospital foi pautada pela superação de inúmeros desafios e pela vocação de cuidar das pessoas - atributos que até hoje estão presentes em sua essência.

História[editar | editar código-fonte]

  • Em 26 de setembro de 1897 é fundada a Associação Hospital Allemão. Em 1905 é adquirido um terreno de 23.550m².
  • As obras ficam suspensas de 1914 a 1922 em função da I Guerra Mundial. Finalmente, em 1923, é concluída a construção do Hospital, com 50 leitos.
  • Ainda em 1923, o número de leitos é duplicado nos primeiros dias graças à grande procura. Inicia-se a construção do Pavilhão do Jardim (a outra parte do Bloco A).
  • 1929: contrato firmado entre o Hospital e a Cruz Vermelha Alemã garante o envio de enfermeiras, assegurando a elevada qualidade dos serviços de enfermagem.
  • 1939 | 1944: sob a “Lei de Nacionalização” do Governo Vargas, o Hospital passa a ser chamado de Associação Hospital Rudolf Virchow e , logo em seguida, de Hospital Oswaldo Cruz.
  • De 1949 em diante, o Hospital retoma suas atividades, atendendo um número crescente de pacientes e volta a existir uma grande procura por vagas para internações.
  • A partir de 1960, surgem empresas de convênio, responsáveis por uma participação cada vez maior nas internações, alterando o cenário até então habitual do atendimento do Hospital.
  • A década de 80 é marcada pelos investimentos vultuosos em modernização, instalação de sistemas de controle eletrônico e a conclusão do avançado Centro Cirúrgico.
  • O nome do Hospital é alterado oficialmente para Hospital Alemão Oswaldo Cruz (1991). Em 1996, é realizada a construção subterrânea do Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI).
  • Em 1997, é comemorado o centenário do Hospital. O novo hall de entrada e a garagem subterrânea de três andares, em frente ao Bloco A, são concluídas.
  • Em 2002, é inaugurado o Bloco B, com 14 andares e heliponto. Quatro anos depois, é a vez do Bloco D, edifício com Restaurante e Área de Lazer e Convivência para colaboradores.
  • 2009 marca a conquista da acreditação da Joint Commission International (JCI). O moderno Bloco E, com 25 pavimentos, é inaugurado em 2012.
  • Em 2013, é inaugurado o Bloco E em seu complexo hospitalar, abrigando novas unidades de internação, além da extensão de áreas importantes, como Centro Cirúrgico e UTI.

Números[editar | editar código-fonte]

  • Mais de 96.000 m2 de área construída
  • 278 leitos de internação, 29 leitos de atendimento semi-intensivo e 44 leitos de UTI
  • 18 leitos Day Clinic Clínico e 3 salas de pequenas cirurgias (Day Clinic Cirúrgico)
  • 19 salas cirúrgicas
  • 2.200 colaboradores
  • 5.231 médicos credenciados
  • Total de internações: 16.764
  • Média de permanência: 4,69 dias
  • Procedimentos cirúrgicos: 21.145
  • Consultas no Pronto Atendimento: 56.857
  • Exames realizados no Centro de Diagnóstico por Imagem: 142.832

*Dados do final do exercício de 2012

Unidades[editar | editar código-fonte]

  • Complexo Hospitalar — Bela Vista, São Paulo
  • Unidade Campo Belo — Campo Belo, São Paulo
  • Instituto da Mulher — Bela Vista, São Paulo
  • Unidade Ambulatorial de Sustentabilidade Social — Mooca, São Paulo

Centros de Especialidades[editar | editar código-fonte]

  • Centro de AVC
  • Centro de Check-up
  • Centro de Cirurgia Robótica​
  • Centro de Diabetes
  • Centro de Endoscopia
  • Centro de Excelência em Cirurgia Bariátrica e Metabólica
  • Centro de Nefrologia e Diálise
  • Centro de Nutrição
  • Centro de Oncologia
  • Centro de Otoneurologia​
  • Centro de Procedimentos Minimamente Invasivos de Coluna
  • Centro de Tratamento do Tabagismo
  • Instituto de Geriatria e Gerontologia
  • Instituto da Mulher​
  • CIAMA - Cuidado Integrado com a Saúde da Mama
  • Centro de Ginecologia​
  • Instituto da Próstata e Doenças Urinárias
  • Instituto de Medicina Cardiovascular
  • Centro de Arritmologia
  • Centro Clínico de Cardiologia Geral
  • Centro Diagnóstico de Cardiologia Não Invasiva
  • Centro de Hipertensão Arterial
  • Centro de Intervenção Cardiovascular
  • Centro de Marca-Passo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um hospital ou uma instituição de saúde é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.