Lucas Oil Stadium

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lucas Oil Stadium
LucasOil.JPG

Nome Lucas Oil Stadium
Características
Local Indianápolis
 Indiana
 Estados Unidos
Gramado Artificial
Capacidade 63 000
Construção
Custo US$ 720 milhões
Inauguração
Data 14 de agosto de 2008 (11 anos)
Partida inaugural Indianapolis Colts x Chicago Bears
Outras informações
Proprietário Indiana Stadium, Convention Building Authority e Indianapolis Colts
Mandante Indianapolis Colts
Interior do Lucas Oil Stadium.

O Lucas Oil Stadium é um recente estádio, inaugurado em 2008, de futebol americano, localizado na cidade de Indianápolis no estado americano do Indiana, e substitui o antigo estádio RCA Dome, situado na mesma cidade. O estádio é utilizado pela equipe dos Indianapolis Colts.[1]

A capacidade do estádio para jogos de futebol americano é de 63.000 lugares, 5.000 a mais que o antigo RCA Dome. O estádio, quando for o estádio organizador do Super Bowl, poderá ter uma capacidade total de 70.000 lugares. Na configuração de basquetebol vai exceder os 70.000 lugares, que é a capacidade mínima para organizar a final da NCAA Final Four. Ao contrário de muitos dos estádio que recebem os jogos de basquetebol, no Lucas Oil Stadium, o campo é colocado no meio do estádio, e não numa das suas pontas.

O estádio tem dois grandes telões de alta-definição da empresa Daktronics, cada um com 30m de largura e 16m de Altura, que estão nos cantos noroeste e sudeste do estádio. Outra das grandes obras de engenharia do estádio é o seu teto, que tanto pode estar aberto, como pode também fechar-se. Desenhado pela Uni-Systems, este teto consiste em duas "portas" que se abrem e fecham, e que pesam 1,134 mil toneladas.[2][3]

O início da construção do estádio teve lugar no dia 20 de setembro de 2005, e o seu custo foi de 720 milhões de dólares. O estádio foi financiado pelo Estado do Indiana e pela cidade de Indianápolis. Os Indianapolis Colts participaram com 100 milhões de dólares. O Condado de Marion aumentou as taxas da comida, bebidas, entre outros para suportar os custos do estádio.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. "The Lucas Oil Stadium". Página acessada em 26 de junho de 2013.
  2. Administrator. «Gabled, Side Opening Retractable Roof and Operable Window Wall | Lucas Oil Stadium | Uni-Systems Projects | Kinetic Architecture by Uni-Systems». www.uni-systems.com. Consultado em 3 de maio de 2018 
  3. «Lucas Oil Stadium». A2SO4. Consultado em 10 de janeiro de 2012. Arquivado do original em 2 de abril de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]