Orchestra Wives

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Cinema.
Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde agosto de 2017.


Orchestra Wives
 Estados Unidos
1942 •  pb •  98 min 
Direção Archie Mayo
Produção William LeBaron
Roteiro Karl Tunberg
Darrell Ware
James Prindle
(história)
Elenco George Montgomery
Ann Rutherford
Glenn Miller
Gênero drama musical
Direção de fotografia Lucien Ballard
Direção de arte Richard Day
Joseph C. Wright
Efeitos especiais Earl Luick
Figurino Adrian
Edição Robert Bischoff
Companhia(s) produtora(s) 20th Century Fox
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento Estados Unidos 4 de setembro de 1942
Portugal 18 de janeiro de 1943
Idioma inglês

Orchestra Wives é um filme norte-americano de 1942, do gênero drama musical, dirigido por Archie Mayo e estrelado por George Montgomery e Ann Rutherford.

Possivelmente o melhor filme já produzido com danças ao som de uma big band,[1] Orchestra Wives se beneficia da presença de Glenn Miller no último dos três filmes em que atuou. Ele e sua orquestra executam vários números, entre eles "Moonlight Serenade", 'Serenade in Blue", "Chattanooga Choo Choo" e "I've Got a Gal in Kalamazoo", que foi indicada ao Oscar.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gene Morrison e sua orquestra decidem fazer uma excursão pela Costa Oeste. No caminho, o trompetista Bill Abbott conhece Connie Ward e, impulsivamente, casa-se com ela. Connie o segue, mas logo descobre que a vida na estrada é um desafio. Não demora e entra em choque com Jaynie Stevens, ex-namorada de Bill, e com Natalie, Caroline e Elsie, esposas que também seguem seus maridos, todas fofoqueiras. O conflito, finalmente, resulta na separação do casal e no fim da orquestra. Arrependida, Connie tenta consertar as coisas, no que tem o auxilio do pai.[1][2]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Canção Original Indicado

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
George Montgomery Bill Abbott
Ann Rutherford Connie Abbott
Glenn Miller Gene Morrison
Lynn Bari Jaynie Stevens
Carole Landis Natalie Mercer
Cesar Romero Sinjin
Virginia Gilmore Elsie
Mary Beth Hughes Caroline Steele
The Nicholas Brothers The Nicholas Brothers
Tamara Geva Senhora Beck
Frank Orth Rex Willet
Grant Mitchell Doutor Ward
Harry Morgan Cully
Jackie Gleason Ben Beck
Dale Evans Amiga de Connie
Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. a b Thomas, Tony; Solomon, Aubrey (1985). The Films of 20th Century-Fox (em inglês). Secaucus: The Citadel Press. ISBN 0806509589 
  2. Erickson, Hal. «Orchestra Wives» (em inglês). AllMovie. Consultado em 25 de agosto de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.