Perdoa-me por Me Traíres (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde agosto de 2012)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Perdoa-me por Me Traíres
 Brasil
1980 •  cor •  101 min 
Direção Braz Chediak
Roteiro Braz Chediak / Gilvan Pereira / Nelson Rodrigues Filho / Joffre Rodrigues
Elenco Vera Fischer
Nuno Leal Maia
Lídia Brondi
Rubens Corrêa
Zaira Zambelli
Género drama
Música Chico Buarque ("Mil perdões")
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Perdoa-me por Me Traíres é um filme brasileiro de 1980, um drama dirigido por Braz Chediak e com roteiro adaptado de um texto de Nelson Rodrigues.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Glorinha (Lídia Brondi), jovem de 16 anos, perde a mãe Judite (Vera Fischer), na realidade, assassinada por seu tio Raul (Rubens Corrêa). Objeto de desejo do assassino, Glorinha é vigiada por ele, sob o pretexto de preservar sua castidade. Mas, conduzida por uma colega de escola que é prostituta, a moça conhece e se fascina pelo mundo dos bordéis, ao mesmo tempo em que prepara uma terrível vingança contra o tio.

Elenco[editar | editar código-fonte]


Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Vídeos - Guias Práticos Nova Cultural, 1988.