Peter Bieri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Peter Bieri
Pseudônimo(s) Pascal Mercier
Nascimento 23 de junho de 1944 (76 anos)
Berna, Suíça
Nacionalidade suíço
Cidadania Suíça
Alma mater Universidade da Califórnia em Berkeley, Universidade Harvard, Universidade de Heidelberg
Ocupação escritor, filósofo
Prêmios Prêmio Marie Luise Kaschnitz
Empregador Universidade Livre de Berlim, Universidade de Marburg
Obras destacadas O Comboio Nocturno para Lisboa

Peter Bieri (Berna, 23 de junho de 1944) é um escritor e filósofo suíço, também conhecido pelo seu pseudónimo Pascal Mercier.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Bieri estudou Filosofia, Estudos Ingleses e Estudos Indianos, tanto em Londres como em Heidelberg. Recebeu o doutoramento pelas mãos de Dieter Henrich e Ernst Tugendhat pelo seu trabalho acerca da filosofia do tempo. Após lhe ser conferido o grau, trabalhou como assistente científico no Seminário Filosófico da Universidade de Heidelberg. [1]

Bieri foi cofundador da unidade de investigação "Cognição e Cérebro" da Deutsche Forschungsgemeinschaft. A sua investigação incidiu na filosofia da mente, na epistemologia e na ética. De 1990 e até 1993, foi professor de História da Filosofia na Universidade de Marburg. A partir de 1993, leccionou filosofia na Universidade Livre de Berlim ocupando a cadeira de Filosofia analítica como sucessor de Ernst Tugendhat, seu mentor.[1]

Obras[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Brüske, Gunda (2010). Offene Türen: Feiern mit Menschen auf der Suche nach Gott : eine Arbeitshilfe zu niederschwelligen Gottesdiensten (em alemãop). [S.l.]: Saint-Paul. p. 63. 128 páginas. ISBN 9783722807874 
  2. Bieri, Peter (2008). Nachtzug nach Lissabon (em alemão). [S.l.]: Ueberreuter. ISBN 9783800092925