Real Oviedo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Real Oviedo
Nome Real Oviedo
Alcunhas "Oviedín"
"Carbayones"
Fundação 1926 (88 anos)
Estádio Estadio Carlos Tartiere
Capacidade 30.500 Pessoas
Presidente Espanha Miguel Cano Mier
Treinador Espanha Ismael Díaz Galán
Material esportivo Whisport
Competição Tercera División
Website www.realoviedo.es
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
titular
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
alternativo
editar

Real Oviedo é um clube de futebol espanhol com sede em Oviedo, na comunidade autónoma das Astúrias. Fundado em 26 de março de 1926, que atualmente joga na Segunda División B - Grupo 1, que equivale a terceira divisão espanhola.

O clube joga de camisa azul e calção branco, no Estádio Carlos Tartiere, com capacidade para 30.500 espectadores. Foi o primeiro time da região a jogar La Liga

Na "tabela de classificação de todos os tempos" do campeonato espanhol, o Oviedo é o 17º colocado, mostrando que o clube tem notável tradição entre os clubes do país.

História[editar | editar código-fonte]

Fundado em 1926, após uma fusão com Ovetense Stadium, Oviedo chegou a La Liga sete anos depois. Entre 1933-1936, a equipe ganhou sucesso por causa da sua abordagem revolucionária para a táticas de futebol. Seu quarteto de ataque de Emilín, Galé, Herrerita e Langara Isidro (todos na selção espanhola neste período), bem como Casuco e Ricardo Gallart modernizou o jogo com o seu ritmo rápido de jogo, fazendo a bola correr, jogado em um estilo de 30/40 depois de seu tempo, sendo apelidado Delanteras Eléctricas ("Os atacantes elétricos"); tudo isso estava relacionado com uma formação rígida e bom preparo físico iniciado por um manager do clube, Fred Pentland.

Langara ganhou o Troféu Pichichi três anos antes da Guerra Civil Espanhola, já que o Oviedo quebrou todos os recordes de pontuação (174 gols em 62 jogos do campeonato). Com a eclosão do conflito, no entanto, a equipe terminou: Langara emigrou para a América do Sul, e Herrerita Emilín assinou com o FC Barcelona, ​​Galé com Racing de Santander e Gallart com Racing de Ferrol.

Quando o futebol no país retomou em 1939, Oviedo foi rebaixado para a segunda divisão, como seu campo era considerado impossível de jogar - As tropas de Francisco Franco tinha usado o estádio como um depósito de munição. Durante as décadas seguintes, o clube se recuperou entre os primeiros níveis (38 temporadas) e segunda (32), o ponto alto sendo de qualificação para a Taça UEFA, depois de terminar bem o "best-ever third" em 1962-63 (ranking com o Real Madrid em primeiro após as primeiras 15 rodadas). Porém alguns anos mais tarde em 1978 o clube caiu para Segunda División B.

Com a Copa do Mundo a ser realizada em casa, em 1982, o Estádio Carlos Tartiere foi completamente renovado, a primeira partida sendo realizada contra o chile (0-0). Em 1984-85 Oviedo ganhou a logo estinta copa da Liga Espanhola (segunda divisão), após derrotar sucessivamente UD Salamanca, o Athletic Bilbao, CF Lorca Deportiva, CE Sabadell FC e Atlético Madrid (este último com um agregado de 2-1 no final).

Em 1988, Oviedo voltou à primeira divisão, depois de vencer o RCD Mallorca nos playoffs de promoção (2-1 no agregado, com o atacante Carlos, que seria um destaque para o clube nos anos seguintes, marcando um dos gols), e permaneceu em "la liga" por 13 temporadas consecutivas - em 1990-91 onde terminou em sexto, qualificando mais uma vez para competição européia, e sendo eliminado na primeira rodada pelo Genoa CFC da Itália (2-3, apesar de que Oviedo recuperou-se da derrota de imediato, com uma vitória por 2-1 no Camp Nou sobre o Barcelona).

Depois de ser rebaixado duas vezes consecutivas, Real Oviedo sofreu graves problemas econômicos, que, quando combinada com uma profunda falta de apoio institucional do governo da cidade, resultaram em incapacidade da equipe para pagar seus jogadores. O clube foi então rebaixado para a quarta divisão do futebol espanhol, na temporada 2003-04. Neste ponto, a equipe quase se acabou, mas finalmente se recuperou e reagrupado, retornou à terceira divisão na campanha seguinte.

Oviedo durou duas temporadas antes de descer mais um nível novamente. Em outro playoff contra um time Mallorca, o clube voltou novamente para a terceira divisão, depois de uma disputa de pênaltis, no entanto, a sua sobrevivência em risco permaneceu nos anos seguintes, devido à contínua dificuldades financeiras. Estas continuaram na temporada 2012-13, quando o clube e seus torcedores convocaram apoiadores para comprar ações do clube. Aos poucos jogadores nomeados como Santi Cazorla, Juan Mata e Michu que começaram a carreira lá, têm oferecido apoio financeiro em uma tentativa de salvar o clube da falência. O clube tinha até 17 de novembro para levantar € 2.000.000, a fim de evitar a falência.

E de fato o clube conseguiu. Após forte apoio de sua fanática torcida, divulgação internacional da situação negativa do clube, o Real Oviedo conseguiu se salvar, após o então homem mais rico do mundo o mexicano Carlos Slim, comprou aproximadamente 2 milhões de euros em ações do clube (tornando-se sócio-majóritário, assim, juntamente com a venda de ações o clube foi salvo da falência.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Na temporada 2006/2007, o Real Oviedo apresenta-se com os seguintes jogadores:

Número Nome Posição Clube de origem
1 Argentina Pezzuti Goleiro Argentina Atlético Central
13 Espanha Iván Goleiro Espanha CA Perines
2 Espanha Corvera Defesa Espanha Real Oviedo
20 Espanha Marcos Corazon Defesa Espanha FC Barcelona
3 Espanha Labrado Defesa Espanha Real Oviedo
15 Argentina Lucas Defesa Argentina La Plata FC
4 Espanha Pablo López Defesa Espanha CD Ourense
5 Espanha Ricardo Defesa Espanha Real Oviedo
17 Espanha Sergio Sánchez Defesa Espanha UDA Gramanet
16 Espanha Caco Morán Médio Espanha Real Oviedo
11 Espanha Jacobo Médio Espanha UD Salamanca
21 Espanha Jon Carrera Médio Espanha Real Oviedo
10 Espanha Michu Médio Espanha Real Oviedo
14 Espanha Miguel Médio Espanha AD Ceuta
8 Espanha Moisés Médio Espanha Real Avilés
7 Uruguai Rotundo Médio Uruguai Liverpool do Uruguai
6 Espanha Pepín Médio Espanha Cultural Leonesa
22 Espanha Servando Médio Espanha Díter Zafra
9 Espanha Nacho García Avançado Espanha Real Oviedo
18 Espanha Raul Castillo Avançado Espanha Díter Zafra
23 Espanha Álex Avançado Espanha Real Oviedo

Estádio[editar | editar código-fonte]

O estádio do Real Oviedo é o Carlos Tartiere, com capacidade para 30.500 pessoas.

Parceiros[editar | editar código-fonte]

O Real Oviedo utiliza equipamento esportivo da marca Whisport e é patrocinado pela empresa Asturias.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]