Síndrome DRESS

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Síndrome de DRESS (Drug Rash With Eosinophilia and Systemic Symptoms) ou síndrome de hipersensibilidade induzida por drogas é uma reação idiossincrática induzida por medicamentos (drogas) caracterizada por exantema (erupções cutâneas), eosinofilia (reação de hipersensibilidade) e sintomas sistêmicos. Os sintomas sistêmicos incluem trombocitopenia, febre, linfocitose atípica e adenopatias. A taxa de mortalidade é de aproximadamente 10%.[1]

Causas[editar | editar código-fonte]

As drogas que causaram Síndrome de DRESS incluem:

Também foi associado à reativação de Herpesvirus tipo 6.

Sinais e sintomas[editar | editar código-fonte]

Os órgãos mais afetados sãoErro de citação: Elemento de fecho </ref> em falta para o elemento <ref>:

  • Fígado 80%
  • Rim 40%
  • Pulmão 33%
  • Coração 15%
  • Pâncreas 5%

Os signos hematológicos mais frequentes são[1]:

  • a b Walsh SA, Creamer D (January 2011). "Drug reaction with eosinophilia and systemic symptoms (DRESS): a clinical update and review of current thinking". Clinical and Experimental Dermatology. 36 (1): 6–11. doi:10.1111/j.1365-2230.2010.03967.x. PMID 21143513.
  • a b c Allam, JP; Paus T; Reichel C; et al. (Sep–Oct 2004). "DRESS syndrome associated with carbamazepine and phenytoin". European Journal of Dermatology. 14 (5): 339–342. PMID 15358574.
  • Minocicina
  • Markel, A (October 2005). "Allopurinol-induced DRESS syndrome" (PDF). Israel Medical Association Journal. 7 (10): 656–660. PMID 16259349.
  • "Ziprasidone (Marketed as Geodon and Generics): Drug Safety Communication - Rare But Potentially Fatal Skin Reactions". 11 December 2014.
  • "Olanzapine: Drug Safety Communication - FDA Warns About Rare But Serious Skin Reactions". 10 May 2016.