Shih-tzu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Shih Tzu
Exemplar da raça Shih Tzu
Nome original 西施犬
Outros nomes Chinese Lion Dog
Chrysanthemum Dog
País de origem Tibete ( China)
Características
Peso 4,5 kg - 7,5 kg
Altura até 27 cm na cernelha
Pelo longo
Cor Ouro, Escuro / Castanho claro, Branco, Preto, Branco, Cinzento, Vermelho rajado, Azul
Tamanho da ninhada 1 - 5 filhotes
Expectativa de vida 10-16 anos
Classificação e padrões
Federação Cinológica Internacional
Grupo 9 - Cães de companhia
Seção 5 - Cães do Tibete
Estalão #208 - 24 de junho de 1987

Shih Tzu[Nota] (em chinês: 狮子) é uma pequena raça de cães de companhia e pouca atividade originária do Tibete.[1] Seu peso varia entre 4.5–8.6 kg quando adultos, e geralmente sua pelagem possuí múltiplas cores. Lembra fisicamente a raça Lhasa Apso, com postura firme e pelos naturalmente compridos, diferenciando-se pelo focinho mais curto e por ter menor independência. Devido ao porte pequeno e baixa atividade, é uma opção de raça considerável para criação em ambientes de espaço limitado como casas pequenas e apartamentos. Vivem em torno de 15 anos.

Origem[editar | editar código-fonte]

Bem como outras raças caninas antigas, a origem deste animal possui uma lenda. A lenda define o shih tzu como sendo o símbolo do amor impossível entre uma princesa chinesa e um mongol (povo predominante no Tibete). Segundo essa lenda, diante da impossibilidade de realizarem o casamento, o casal resolveu cruzar um legítimo representante da China, o Pequinês, com um representante do Tibete, o Lhasa Apso. Da união das raças surgiu o Shih-Tzu, simbolizando tudo o que há melhor nas duas culturas, e o amor entre os dois povos.[2] Seu nome significa "cão leão que nunca desiste". Sua verdadeira origem perdeu-se em meio a antigas lendas, embora saiba-se que alguns exemplares foram dados de presente ao imperador da China em 1640. De acordo com historiadores, os shi-tzus viviam no palácio, cercados de cuidados extremos e isolados de outras raças. Apenas três séculos mais tarde, começaram a fazer parte dos lares das ricas famílias chinesas e de algumas outras no Ocidente. Quase extinta durante a invasão japonesa em 1937, foi salva graças a criadores ingleses.[3]

Características[editar | editar código-fonte]

Fisicamente possuem olhos grandes e escuros, pelagem exuberante e podem chegar a atingir os 28cm na cernelha e pesarem de 4.5 a 8.6 kg.[4] É considerado um típico animal de companhia, apesar de menos ativo que outros de mesmo porte. No livro A Inteligência dos Cães, de Stanley Coren, ocupa a 70ª posição das 79.[3] Apesar da baixa classificação, o índice desta publicação considera como mais inteligentes as raças que obedecem mais facilmente a comandos e respondem mais rapidamente ao adestramento, considerado um ponto fraco do Shih-Tzu, pois é um cão que manifesta comportamento bastante dominante. Em aspectos cognitivos no entanto, a raça apresenta uma inteligência acima da média, sendo os exemplares quietos e bastante observadores, curiosos, exploradores do ambiente e buscam grande empatia emocional com os donos. [5]

O Shih Tzu é um cão ideal para a cidade e para o campo. Na cidade, esses são cães que se acostumam facilmente a barulhos e vivem bem em apartamentos - local mais apropriado. Já no campo, eles exigem muito mais cuidado, devem ser mantidos dentro de casa e tomar banho regularmente.

Filhote de Shih tzu

Em relação a saúde, há registros da ocorrência de coprofagia, alergias e dermatites, problemas oculares, hérnia umbilical, otite e pré disposição ao desenvolvimento de câncer de útero ou testículo. Assim, é imprescindível o acompanhamento periódico da saúde de exemplares da raça por profissionais veterinários capacitados.[6]

Temperamento[editar | editar código-fonte]

O nome Shih Tzu significa "pequeno leão", mas esses cães amoroso são tudo, menos ferozes[7]. Ela é uma das melhores raças, pois se adaptam bem a qualquer espaço, se dão bem com outros animais de estimação, são excelentes para famílias, solteiros e além de tudo, excelente companheiros para idosos. Geralmente são bem comportados e razoavelmente fáceis de se treinar. Proprietários de Shih Tzu adoram esta citação do compositor americano James Mumsford, pois acham que retrata com precisão esse animal, "… uma pitada de leão, várias colheres de chá de coelho, duas onças de gato doméstico, uma parte de bobo da corte, um traço de bailarina, uma pitada de velho, um pouco de mendigo, uma colher de sopa de macaco, uma parte de pelo de bebê, (e) uma pitada de ursinho de pelúcia".

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Padrão da raça
  2. Multi Dog - Shih Tzu
  3. a b «Bichon bolonhês». Dog Times. Consultado em 12 de agosto de 2011. 
  4. «Shih-Tzu». Saúde Animal. Consultado em 12 de agosto de 2011. 
  5. «Característica do shihtzu». 2puppies. Consultado em 7 de dezembro de 2017. 
  6. http://www.allshihtzu.com/shih-tzu-eye-care
  7. «Cachorro Shih Tzu – Guia Definitivo da Raça | O Cantinho dos Bichos». O Cantinho dos Bichos. 28 de maio de 2018 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Shih-tzu
Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.