Shovelware

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Shovelware é um jargão de computação pejorativo que refere-se a pacotes de software mais notáveis pela sua quantidade do que sua qualidade ou utilidade do que está incluído.[1]

A metáfora implica que os criadores demonstraram não se importar com a qualidade do software original, como se a nova compilação ou versão foi criada indiscriminadamente para a adição de títulos "a pá" (ou "à balde") da mesma forma que alguém iria empilhar material a granel com uma pá. O termo "shovelware" foi cunhado por analogia semântica de frases como shareware e freeware, que descrevem métodos de distribuição de software. Ele apareceu pela primeira vez em meados da década de 1990, quando grandes quantidades de demos e programas de domínio público, open source e freeware foram copiados para CD-ROMs e anunciados em revistas ou vendidos no mercados de pulga de computadores.[1]

CD-ROMs "Shovelware"[editar | editar código-fonte]

Computer Gaming World, escreveu, em 1990, que software para "aqueles que não quiserem esperar" que usavam o novo formato CD-ROM, The Software Toolworks e Access Software planejaram lançar "pacotes de jogos de vários títulos clássicos".[2] Por volta de 1993, a revista se referiu ao software relançado no CD-ROM como "shovelware", ao descrever uma coleção de Access como tendo um "menu empoeirado" e outro do The Software Toolworks ("o rei dos esforços de remontagem de software"), como incluindo jogos que foram "a maioria medíocre, mesmo no seu auge"; a única exceção, Chessmaster 2000, usado "deslumbrante gráficos CGA".[3]

Jogos eletrônicos shovelware[editar | editar código-fonte]

Jogos eletrônicos de baixo orçamento, má qualidade, lançado na esperança de ser adquirido por clientes desavisados, são muitas vezes referidos como "shovelware". Isso pode levar a descoberta de problemas quando uma plataforma não tem nenhum controle de qualidade. Vários exemplos bem conhecidos foram lançados para o Nintendo Wii, incluindo portes de jogos para PlayStation 2 que tinha sido lançados anteriormente na Europa por Data Design Interactive.[4] A série Call of Duty é muitas vezes descrita como shovelware, devido ao seus lançamentos anuais e reutilização de recursos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Definition of: Shovelware». PC Magazine. Consultado em 21 July 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «The Maturation of Computer Entertainment: Warming The Global Village». Computer Gaming World. 8 de julho de 1990. 11 páginas. Consultado em 16 November 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Forging Ahead or Fit to be Smashed?». Computer Gaming World. 1993-04. 24 páginas. Consultado em 6 July 2014  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  4. Kohler, Chris (5 de março de 2008). «Opinion: Why Wii Shovelware Is a Good Thing». Wired. Consultado em 7 July 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]