Slender Man (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Slender Man
Slender Man[1] (PRT)
Slender Man: Pesadelo sem Rosto[2] (BRA)
Cartaz do filme
 Estados Unidos
2018 •  cor •  93 min 
Direção Sylvain White
Produção Brad Fischer
James Vanderbilt
William Sherak
Robyn Meisinger
Sarah Snow
Roteiro David Birke
Baseado em Slender Man, de Eric Knudsen
Elenco Joey King
Julia Goldani Telles
Jaz Sinclair
Annalise Basso
Javier Botet
Gênero terror
Música Brandon Campbell
Ramin Djawadi
Cinematografia Luca Del Puppo
Edição Jake York
Companhia(s) produtora(s) Mythology Entertainment
Madhouse Entertainment
It Is No Dream Entertainment
Distribuição Screen Gems
Idioma inglês
Orçamento $10 milhões[3]
Receita $51.7 milhões[4]
Página no IMDb (em inglês)

Slender Man (br Slender Man: Pesadelo sem Rosto) é um filme de terror sobrenatural estadunidense, dirigido por Sylvain White e escrito por David Birke, baseado no personagem creepypasta de mesmo nome criado por Eric Knudsen.[5] O filme retrata Javier Botet como o monstro titular ao lado de Joey King, Julia Goldani Telles, Jaz Sinclair e Annalise Basso.

Slender Man foi lançado nos Estados Unidos em 10 de agosto de 2018, e no Brasil em 23 de agosto de 2018 pela Screen Gems, e recebeu uma recepção amplamente negativa da crítica e do público, sendo chamado de "chato", "derivado" e "enganoso".[6]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

As amigas Wren, Hallie, Chloe e Katie levam uma vida entediante no colégio. Quando ouvem falar em um monstro chamado Slender Man, elas decidem invocá-lo por meio de um vídeo na Internet. A brincadeira se transforma em um perigo real quando todas começam a ter pesadelos e visões do homem sem rosto, com vários braços, capaz de fazer as suas vítimas alucinarem. Um dia, Katie desaparece sem deixar pistas, cabendo às três amigas fazerem a sua própria busca, enfrentando a criatura.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Em uma pequena cidade em Massachusetts, quatro amigos, Wren, Hallie, Chloe e Katie invocam o Slender Man. Uma semana depois, Katie desaparece e as outras três meninas vão à casa dela para procurar pistas. Os três descobrem que Katie esteve envolvida no oculto e que ela queria que o Slender Man a levasse.

As três garotas decidem fazer contato com o Slender Man em uma tentativa de conseguir Katie de volta em troca de outra coisa. Wren, que pesquisou a mitologia de Slender Man, adverte que Hallie e Chloe não abram os olhos enquanto os três estão em contato com o Slender Man por medo de morte ou loucura. Chloe entra em pânico, abre os olhos e fica cara a cara com o Slender Man. Algum tempo depois, o Slender Man entra na casa de Chloe e a deixa louca.

Wren, sofrendo de visões assustadoras, procura uma solução enquanto Hallie tenta, sem sucesso, seguir em frente. Pouco tempo depois, Lizzie, a irmã mais nova de Hallie, sofre um grande ataque de pânico e é enviada para o hospital e sedada. Hallie descobre que Wren tentou entrar em contato com o Slender Man novamente, com a ajuda de Lizzie.

Hallie confronta Wren sobre sua irmã. Wren diz a Hallie que o Slender Man só os quer antes que ela seja levada pelo Slender Man. Hallie, percebendo que a única maneira de salvar Lizzie é entregar-se ao Slender Man, se sacrificando por sua irmã. Lizzie é capaz de se recuperar e reflete sobre a situação que resultou na morte de sua irmã e dos amigos de sua irmã.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Joey King como Wren
  • Julia Goldani Telles como Hallie Knudsen
  • Jaz Sinclair como Chloe
  • Annalise Basso como Katie Jensen
  • Taylor Richardson como Lizzie Knudsen, irmã de Hallie
  • Alex Fitzalan como Tom, interesse amoroso de Hallie
  • Kevin Chapman como o Sr. Jensen, pai de Katie
  • Jessica Blank como Sra. Jensen, mãe de Katie
  • Javier Botet como Slender Man
  • Michael Reilly Burke como Sr. Knudsen, pai de Hallie e Lizzie

Produção[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2016, foi relatado que a Sony Pictures havia começado a desenvolver o Slender Man em base no personagem sobrenatural mítico criado por Eric Knudsen,[5] com o roteiro a ser escrito por David Birke. A Screen Gems da Sony estava em conversações com a Mythology Entertainment, Madhouse Entertainment e a It Is No Dream Entertainment para produzir e distribuir o filme.[7]

Em 4 de janeiro de 2017, Sylvain White foi contratado para dirigir o filme, enquanto os produtores do filme seriam Brad Fischer da Mythology, James Vanderbilt e William Sherak, Robyn Meisinger de Madhouse e Sarah Snow, de No Dream.[8]

Em 22 de maio de 2017, o elenco foi anunciado, incluindo Joey King, Julia Goldani Telles, Jaz Sinclair, Annalise Basso, Talitha Bateman (que foi depois substituída por Taylor Richardson) e Alex Fitzalan.[9] Em julho de 2017, Kevin Chapman juntou-se ao elenco como um pai alcoólatra emocionalmente derrotado.[10]

A filmagem do filme começou em 19 de junho de 2017, em Boston e concluiu em 28 de julho de 2017.[11]

Marketing e divulgação[editar | editar código-fonte]

Em 3 de janeiro de 2018, o primeiro trailer foi lançado.[12][13] As reações foram medianas e misturadas, com algumas publicações online descrevendo o trailer como tendo uma "rota de terror tradicional, de baixo orçamento".[14][15][16] Outras publicações notaram o lançamento do filme quatro anos após o Slender Man stabbing (esfaqueamento do Slender Man) no Condado de Waukesha, Wisconsin em 2014.[14][17][18][19] Após a estréia online do trailer, Bill Weier, o pai de Anissa Weier disse que a produção e lançamento do filme é "extremamente desagradável", e aconselhou os teatros locais a não exibir o filme.[20][21] Um segundo trailer foi lançado em 26 de julho de 2018.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Em 31 de maio de 2018, o filme começou a procurar um novo distribuidor, devido a divergências com a produtora e distribuidora do filme. Os candidatos incluem Amazon e Netflix.[carece de fontes?]

Marcus Theaters decidiu não exibir o filme em seus cinemas nos condados de Waukesha e Milwaukee, em Wisconsin, por consideração e respeito por aqueles afetados pelos eventos da vida real.[22]

Depois que o filme foi lançado, foi relatado que a Screen Gems exigiu uma classificação MPAA PG-13 e reformulou o roteiro original, bem como cortou várias cenas principais com medo da repercussão pública, o que resultou em problemas maciços de transição e continuidade. Isso veio depois dos comentários de Bill Weier sobre a produção. O estúdio também supostamente nunca mostrou qualquer apoio ao desenvolvimento do projeto para começar.[23][24]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Nos Estados Unidos e no Canadá, Slender Man foi lançado ao lado de The Meg e BlacKkKlansman, e está previsto arrecadar US $ 8-12 milhões de 2.109 cinemas em seu fim de semana de estreia. O filme rendeu US $ 1 milhão nas prévias da noite de quinta-feira.[carece de fontes?]

Crítica[editar | editar código-fonte]

No agregador de resenhas Rotten Tomatoes, Slender Man possui uma classificação de aprovação de 7% com base em 74 comentários, com uma classificação média de 3.11/10.[25] No Metacritic, o filme tem uma pontuação média ponderada de 30 (de um total de 100), com base em 15 resenhas, indicando "críticas geralmente desfavoráveis".[6]

David Ehrlich da IndieWire, deu ao filme uma nota D, chamando-o de "um serviço insípido e malcomado de mais uma creepypasta da internet, Slender Man aspira ser para a era do YouTube o que The Ring foi até os últimos suspiros da geração VHS. Mas... há uma diferença fundamental que diferencia os dois filmes: The Ring é bom, e Slender Man é terrível."[26]

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. «Slender Man». Portugal: CineCartaz. Consultado em 7 de novembro de 2018 
  2. «Slender Man: Pesadelo sem Rosto». Brasil: CinePlayers. Consultado em 7 de novembro de 2018 
  3. D'Alessandro, Anthony (10 de agosto de 2018). «'The Meg' Chomps A Huge $4M On Thursday Night – Box Office». Deadline Hollywood. Penske Business Media. Consultado em 10 de agosto de 2018 
  4. «Slender Man (2018)». Box Office Mojo. Consultado em 17 de agosto de 2018 
  5. a b Rogers, Katie (6 de maio de 2016). «'Slender Man,' a Horror Meme, Gets Ready to Step Out of the Shadows». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331 
  6. a b «Slender Man Reviews». Metacritic. Consultado em 10 de agosto de 2018 
  7. McNary, Dave (7 de maio de 2016). «Sony in Talks for 'Slender Man' Horror Movie». Variety (em inglês) 
  8. Jr, Mike Fleming (4 de janeiro de 2017). «Sylvain White Set To Helm 'Slender Man' For Screen Gems». Deadline (em inglês) 
  9. N'Duka, Amanda (22 de maio de 2017). «Joey King, Julia Goldani-Telles & More Join 'Slender Man' From Director Sylvain White». Deadline (em inglês) 
  10. N'Duka, Amanda (10 de julho de 2017). «'Godzilla: King Of The Monsters' Adds Elizabeth Ludlow; Kevin Chapman Cast In 'Slender Man'». Deadline (em inglês) 
  11. «'Slender Man' horror movie will be made in Boston - The Boston Globe». BostonGlobe.com. Consultado em 5 de janeiro de 2018. Arquivado do original em 22 de agosto de 2017 
  12. «'Slender Man': Watch Disturbing First Trailer for Meme-Based Horror Film». Rolling Stone 
  13. «Slender Man - Pesadelo Sem Rosto | Filme sobre o ícone do terror na internet ganha trailer e pôster em português». Omelete 
  14. a b «Watch the first trailer for the Slenderman movie called Slender Man». The Verge 
  15. Martinelli, Marissa. «Prepare to Scream Your Face Off at the First Trailer for the Slender Man Movie». Slate Magazine (em inglês) 
  16. «'Slender Man' trailer is proof some things shouldn't leave the internet». Engadget (em inglês) 
  17. «'Slender Man' Trailer Reveals the Creepy Film Adaptation». Collider (em inglês). 3 de janeiro de 2018 
  18. «Slender Man Trailer Brings the Internet Myth to Life». Slashfilm (em inglês). 3 de janeiro de 2018 
  19. Evans, Greg (3 de janeiro de 2018). «'Slender Man' Trailer, Poster: Scary Internet Meme Creeps To Big Screen». Deadline (em inglês) 
  20. Richmond | AP, Todd (3 de janeiro de 2018). «Wisconsin girl's father says Slender Man move in poor taste». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286 
  21. «Father of "Slender Man" Attacker Claims New Film Is "Popularizing a Tragedy"». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  22. «Marcus Theatres won't show Slender Man movie in Milwaukee, Waukesha counties». Wisn.com. 10 de agosto de 2018. Consultado em 16 de agosto de 2018 
  23. Miska, Brad (12 de agosto de 2018). «How Sony's Own Fear Killed the Big Screen Debut of 'Slender Man' [Exclusive]». Bloody Disgusting. Consultado em 16 de agosto de 2018 
  24. Foutch, Haleigh (15 de agosto de 2018). «'Slender Man' Reportedly Cut Several Major Scenes over Studio Backlash Fears». Collider. Consultado em 16 de agosto de 2018 
  25. «Slender Man (2018)». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de agosto de 2018 
  26. Ehrlich, David (9 de agosto de 2018). «Slender Man Review: A Tasteless and Inedibly Undercooked Serving of Creepypasta». IndieWire. Consultado em 9 de agosto de 2018 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme de horror é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.