Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia
SBTHH
Logotipo da SBTHH
Tipo Organização sem fins lucrativos
Fundação 25 de agosto de 2009 (12 anos)
Sede Mariana, Minas Gerais
Línguas oficiais Português
presidente Temístocles Américo Corrêa Cezar
Sítio oficial www.sbthh.org.br/pb/

A Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia (SBTHH) é uma organização sem fins lucrativos voltada ao fortalecimento de pesquisas nas áreas da teoria da história e da história da historiografia no âmbito nacional e internacional. Tem como principal objetivo integrar pesquisadores de diferentes gerações, instituições e convicções teóricas em um ambiente de cooperação e diálogo. A SBTHH é resultado de demandas no interior dos estudos históricos no Brasil e do interesse em se estudar a história da própria disciplina.[1] O Seminário Brasileiro de Teoria e História da Historiografia e a revista História da Historiografia são iniciativas da Sociedade.

Histórico e objetivos[editar | editar código-fonte]

A SBTHH foi fundada em Minas Gerais no dia 25 de agosto de 2009, em Assembleia Geral, durante o 3° Seminário Nacional de História da Historiografia realizado na Universidade Federal de Ouro Preto.[2] Com a expansão dos programas de pós-graduação nas universidades brasileiras e com o crescimento de pesquisadores nas áreas de teoria da história e história da historiografia, a Sociedade, uma das mais importantes em seu campo,[3] surge com a finalidade de proporcionar um ambiente de intercâmbio e cooperação entre os pesquisadores dessas duas áreas correlatas. Para Estevão de Rezende Martins, presidente da SBTHH entre os anos 2011 e 2015, a Sociedade representa um grande espaço social de intercâmbio, convergência e diálogo, que possibilita o fortalecimento da área e a criação de uma forma de espaço de investigação coletiva.[4]

Os estatutos da SBTHH definem como seus principais objetivos: a. incentivar o estudo, o ensino e a pesquisa brasileira no âmbito da teoria da história e história da historiografia; b. promover reuniões científicas objetivando o intercâmbio de informações entre seus associados e os de associações similares brasileiras, estrangeiras ou internacionais; c. apoiar a edição de revistas acadêmicas e publicações de outra natureza nos campos de atuação da sociedade; d. agir no interesse dos associados e representá-los junto a órgãos públicos e privados; e. promover o Seminário Internacional de Teoria e História da Historiografia; f. apoiar a realização de eventos regionais e nacionais nos campos de atuação da SBTHH; g. promover o intercâmbio e a cooperação com associados e entidades nacionais, estrangeiras e internacionais da mesma natureza.[5]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

  • Gestão 2019: Temístocles Américo Corrêa Cezar (UFRGS)
  • Gestão 2015-2018: Lucia Maria Paschoal Guimarães (UERJ)

Seminário Brasileiro de Teoria e História da Historiografia[editar | editar código-fonte]

Lucia Maria Paschoal Guimarães com placa de homenagem à sua atuação como Presidente da Sociedade entre 2015-2018

O Seminário Brasileiro de Teoria e História da Historiografia (SNHH) é um evento promovido pela Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia e também pelo Núcleo de Estudos em História da Historiografia e Modernidade (NEHM) desde 2007.[6] De 2007 até 2013 o evento ocorreu anualmente e a partir de 2014 passou a ocorrer a cada dois anos. Desde sua primeira edição, o seminário teve como conferencistas diversos pesquisadores das áreas da teoria e da história da historiografia, entre eles Angela de Castro Gomes, Carlos Fico, Durval Muniz de Albuquerque, Estevão de Rezende Martins, Guillermo Zermeño Padilla, Hans Ulrich Gumbrecht, Jorge Cañizares-Esguerra, Luiz Costa Lima, Manoel Luiz Salgado Guimarães, Marieta de Moraes Ferreira, Olgária Chain Féres Matos, Raquel Glezer e Temístocles Cezar.

Revista História da Historiografia[editar | editar código-fonte]

A revista História da Historiografia é um periódico quadrimestral online, desenvolvido em parceria pela Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia com o Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e com o Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). A revista publica artigos, resenhas, entrevistas, textos e documentos historiográficos relevantes à história da historiografia e à teoria da história desde 2008.[7][8] A revista História da Historiografia, entre os anos 2013 e 2016, foi avaliada como categoria A1 pelo sistema institucional Qualis da CAPES, ou seja, foi considerada como um dos melhores periódicos na área de História.[9][10]

Premiação[editar | editar código-fonte]

Desde 2012, a SBTHH realiza um concurso que visa premiar os melhores trabalhos desenvolvidos nas áreas de teoria da história, história da historiografia brasileira e história da historiografia geral. Em 2012, a Sociedade premiou as melhores monografias defendidas entre os anos de 2010 e 2012.[11] Na segunda edição do prêmio, em 2013, alargou-se o escopo da premiação para promover o reconhecimento das melhores teses, dissertações e monografias nas áreas de teoria da história, história da historiografia brasileira e história da historiografia geral.[12][13] Trabalhos de diferentes universidades foram contemplados na premiação.[14][15][16]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]