The Solid Gold Cadillac

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Solid Gold Cadillac
O Cadillac de Oiro (PT)
O Cadillac de Ouro (BR)
 Estados Unidos
1956 •  p&b/Technicolor •  99 min 
Direção Richard Quine
Produção Fred Kohlmar
Roteiro Abe Burrows
Howard Teichmann
(peça)
George S. Kaufman
(peça)
Elenco Judy Holliday
Paul Douglas
Fred Clark
Gênero Comédia
Música Cyril J. Mockridge
Direção de arte Ross Bellah
Direção de fotografia Charles Lang
Figurino Jean Louis
Edição Charles Nelson
Companhia(s) produtora(s) Columbia Pictures
Distribuição Columbia Pictures
Lançamento Estados Unidos 22 de agosto de 1956
Portugal 9 de novembro de 1956
Idioma Inglês

The Solid Gold Cadillac (O Cadillac de Ouro (título no Brasil) ou O Cadillac de Oiro (título em Portugal)) é um filme norte-americano de 1956, do gênero filme de comédia romântica, dirigido por Richard Quine e estrelado por Judy Holliday e Paul Douglas.

Notas sobre a produção[editar | editar código-fonte]

Um grande sucesso de bilheteria, o filme é baseado na peça homônima de Howard Teichmann e George S. Kaufman. A peça havia tomado a Broadway de assalto, tendo sido apresentada 526 vezes entre novembro de 1953 e fevereiro de 1955.[1]

No espetáculo teatral, a personagem principal é interpretada pela sexagenária Josephine Hull. Na versão cinematográfica, entretanto, esse papel ficou com Judy Holliday, cuja idade era substancialmente menor -- ela nasceu em 1921. [2]

A história é narrada em tom sarcástico por George Burns. Ele não aparece pessoalmente, apenas sua voz é ouvida em off.

O título refere-se ao carro dos sonhos da protagonista e sonhos podem tornar-se realidade, de acordo com a sequência final, a única filmada em cores.[3]

A produção foi indicada duas vezes ao Oscar, tendo recebido a estatueta pelos figurinos de Jean Louis.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A jovem Laura Partridge faz uma série de perguntas embaraçosas durante uma reunião dos acionistas da empresa onde trabalha. Para fechar sua boca, dão-lhe um simulacro de cargo executivo. Ela e Edward L. McKeever, o proprietário da corporação, iniciam um romance. Edward é gente boa, o que não pode ser dito dos membros da diretoria (Clifford Snell, Jack Blessington, Alfred Metcalfe e outros). Com a cumplicidade de Edward, Laura forma uma associação de acionistas para defenestrar os salafrários.[2]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Direção de Arte (preto e branco)
Melhor Figurino (preto e branco)
Indicado
Vencedor
Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood Golden Globe Melhor Filme - Comédia ou Musical
Melhor Atriz - Comédia ou Musical (Judy Holliday)
Indicado
Indicado
Sindicato dos Roteiristas Norte-Americanos WGA Melhor Roteiro - Comédia Indicado

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
Judy Holliday Laura Partridge
Paul Douglas Edward L. McKeever
Fred Clark Clifford Snell
John Williams Jack Blessington
Hiram Sherman Harry Harkness
Neva Patterson Amelia Shotgraven
Ray Collins Alfred Metcalfe
Arthur O'Connell Mark Jenquins

Referências

  1. «The Solid Gold Cadillac». IBDB. Consultado em 29 de dezembro de 2016 
  2. a b Erickson, Hal. «The Solid Gold Cadillac» (em inglês). AllMovie. Consultado em 29 de dezembro de 2016 
  3. Hirschhorn, Clive (1989). The Columbia Story (em inglês). Londres: Pyramid Books. ISBN 1871307872 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre The Solid Gold Cadillac