Urucânia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Urucânia
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Fundação 30 de dezembro de 1962 (56 anos)
Gentílico urucaniense
Padroeiro(a) Nossa Senhora do Bom Sucesso[1]
CEP 35380-000 a 35381-999[2]
Prefeito(a) Frederico Brum de Carvalho
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Urucânia
Localização de Urucânia em Minas Gerais
Urucânia está localizado em: Brasil
Urucânia
Localização de Urucânia no Brasil
20° 21' 03" S 42° 44' 20" O20° 21' 03" S 42° 44' 20" O
Unidade federativa Minas Gerais
Mesorregião Zona da Mata IBGE/2008[3]
Microrregião Ponte Nova IBGE/2008[3]
Municípios limítrofes Piedade de Ponte Nova, Santa Cruz do Escalvado, Ponte Nova, Oratórios, Jequeri, Santo Antônio do Grama, Rio Casca
Distância até a capital 256 km
Características geográficas
Área 139,182 km² [4]
População 10 291 hab. Censo IBGE/2010[5]
Densidade 73,94 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,693 médio PNUD/2000[6]
PIB R$ 84 119,401 mil IBGE/2008[7]
PIB per capita R$ 8 012,13 IBGE/2008[7]
Página oficial
Prefeitura www.urucania.mg.gov.br
Câmara www.camaraurucania.mg.gov.br

Urucânia é um município brasileiro do estado de Minas Gerais.

História[editar | editar código-fonte]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2004 era de 10.304 habitantes. Conhecida historicamente pelos milagres do saudoso Padre Antônio Ribeiro Pinto, responsável por trazer a Devoção à Nossa Senhora das Graças para o município. Pertencia a cidade de Ponte Nova até a sua emancipação, que aconteceu em 3 de março de 1963. Sua economia baseia-se, principalmente, na produção de açúcar, com a Usina Jatiboca. Também movimenta a economia local a suinocultura, atividade facilmente encontrada em todo o município.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC). «Lista por santos padroeiros» (PDF). Descubra Minas. p. 16. Consultado em 14 de setembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2017 
  2. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  3. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  5. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  7. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.