Açude Orós

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Açude Orós
Açude de Orós ou Açude Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira}}
Nome Açude de Orós ou Açude Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira
Dono DNOCS
Localização Orós, CE
Volume de armazenamento 2.100,0 milhões
Início de operação 11 de janeiro de 1961

O Açude de Orós ou Açude Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira está localizado no leito do rio Jaguaribe, na região centro-sul do Ceará.

Sua história remonta à época do Brasil Império, quando várias secas se sucederam dizimando um número grande de pessoas e animais. Represar o rio Jaguaribe e fazê-lo perene surgiu como a alternativa mais viável para o solucionar o problema da escassez de água no sertão cearense. No entanto, esta ideia só foi colocada em prática no século XX. Ao ser construído, esse reservatório chegou a inundar vilarejos próximos ao leito do rio, dentre eles o mais famoso: Conceição do Buraco, hoje Guassussê. Foi construído pelo DNOCS, tendo suas obras concluídas em 1961.[1]

Sua capacidade é de 2.100.000.000 m³, o que o coloca como o segundo maior reservatório do estado. Foi o maior até a construção do Açude Castanhão em 2003.

Referências

  1. www.dnocs.gov.br/barragens/oros/oros.Página visitada em 08 de setembro de 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre Hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.