Bacia do rio Parnaíba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde julho de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A bacia do rio Parnaíba é uma das doze regiões hidrográficas do território brasileiro, abrangendo quase totalmente o estado do Piauí, parte do Maranhão e uma pequena área do Ceará, totalizando 344.112 km².

O Rio Parnaíba é o principal da região, com aproximadamente 1.400 km de extensão.

Apesar de o bioma predominante na bacia ser a Caatinga, esta é uma região de transição entre a Caatinga, a Floresta Tropical e a vegetação litorânea.

O maior adensamento urbano da região é a capital piauiense de Teresina. Toda a região é caracterizada por índices críticos de abastecimento de água, esgotamento sanitário e tratamento de esgotos. A escassez hídrica é historicamente apontada como causa do atraso econômico e social da região.

Compoe junto com a bacia do Parana e a do Amazonas, as três maiores bacias sedimentares brasileiras.

Atualmente, ambientalistas lutam para que sua riqueza e beleza permaneçam.

Há vários projetos socioambientais envolvendo Estado e representantes da sociedade civil.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]