Aeroporto de Barreirinhas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aeroporto de Barreirinhas


IATA: SSRS -
Tipo Público
Administração Estado do Maranhão
Serve Barreirinhas
Localização Não disponível
Inauguração Não disponível


Altitude 4 m (13 ft)
Movimento em 2013 Não disponível
Capacidade anual 30.000
Website oficial Não disponível
Pistas
Cabeceiras Comprimento Superfície
11 X 29 930 m (3 051 ft) Asfalto
11 X 29 1 500 m (4 921 ft) Asfalto

O aeroporto de Barreirinhas não possui códigos ICAO e IATA. Possui duas pistas, uma com 930 metros de extensão e a outra, incompleta, com 1500 metros.

O governo do Maranhão chegou a iniciar a construção de uma segunda pista, que deveria ter 1620 metros,[1] mas apenas 1500 metros foram completados. Segundo o deputado Manoel Ribeiro, as obras foram paralisadas e o ex-governador Jackson Lago teria entregue os recursos para a construção do aeroporto ao estado do Piauí. Os recursos teriam então sido empregados em obras no Aeroporto de Parnaíba [2]

O aeródromo esteve interditado, com a pista antiga recebendo aeronaves de pequeno porte de forma clandestina. O deputado Hélio Soares, em 27 de agosto de 2012, comunicou que o aeroporto não seria liberado para funcionamento devido a irregularidades cometidas na construção da nova pista, uma vez que a mesma foi concluída sem orientação do Departamento de Aviação Civil (DAC).[3]

Porém, com o empenho do prefeito de Barreirinhas, Léo Costa, e do Ministro do Turismo, Gastão Vieira o aeroporto foi homologado pela Anac em janeiro de 2014, após vistoria técnica. O aeroporto já consta na lista da Anac de aeródromos públicos do Brasil, e seu código ICAO é SSRS.[4] O terminal do aeroporto recebeu investimentos de R$ 3,9 milhões do Ministério do Turismo.[5]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um aeroporto, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.