Aeroporto de Poços de Caldas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Aeroporto de Poços de Caldas - Embaixador Walther Moreira Salles


IATA: POO - ICAO: SBPC
Tipo Público
Administração INFRAERO
Serve Poços de Caldas / Sul de Minas Gerais e Oeste Paulista
Localização Não disponível
Inauguração 1937


Altitude 1 260 m (4 134 ft)
Movimento em 2006 Não disponível
Capacidade anual Não disponível
Website oficial Não disponível
Pistas
Cabeceiras Comprimento Superfície
09/27 1 550 m (5 085 ft) Asfalto

O Aeroporto de Poços de Caldas - Embaixador Walther Moreira Salles (código IATA: POO; código ICAO: SBPC) é um aeroporto que serve o município brasileiro de Poços de Caldas, no estado de Minas Gerais, tendo sido inaugurado em 1937. Com uma altitude de 1260 m, o Aeroporto de Poços de Caldas é o segundo mais alto dentre todos os aeroportos de médio e grande porte do Brasil, sendo superado apenas pelo Aeroporto de Diamantina, localizado na cidade homônima, além de alguns pequenos aeroportos e aeródromos localizados na Serra da Mantiqueira; em Canarana (MT); em São Joaquim (SC); em Alto Paraíso de Goiás (GO) e em Nova Lima (MG).[1] [2] Sua pista possui 1550 m de comprimento e comporta aeronaves de médio porte.[3]

A Infraero realizou uma série de melhorias no Grupamento de Navegação Aérea (GNA) de Poços de Caldas, o Grupamento é responsável por fornecer informações meteorológicas e prestar auxílio à Navegação Aérea – recebeu uma melhoria geral na edificação, com a substituição de pisos, do engradamento e telhado e revitalização da pintura, além da instalação de novos forros e a troca de toda a parte elétrica.

O GNA de Poços de Caldas ocupa uma área total de 18,5 mil m². Vários profissionais de apoio à Navegação Aérea, trabalham no local, que dispõe de uma Sala de Serviço de Informações Aeronáuticas (AIS), uma Estação Meteorológica de Superfície e diversos sistemas inerentes à área.

O governador de Minas Gerais liberou R$ 15 milhões para a reforma que inclui aumento da pista para 2.200 metros de extensão, construção de nova estação de embarque/desembarque ao lado da existente, sendo instalados modernos acessórios, tais como raio-X e esteiras de bagagem. Ainda, o aeroporto contará com uma brigada de incêndio e todos os equipamentos de segurança de voo, pouso e decolagem através de instrumentos de última geração. Em negociações já adiantadas as empresas aéreas Azul e Trip podem operar no município.

Companhias aéreas[editar | editar código-fonte]

|Brasil Trip Linhas Aéreas

Destinos[editar | editar código-fonte]

Companhias Destinos
Brasil TRIP Linhas Aéreas Belo Horizonte - Pampulha(Aguardando autorização da ANAC) e S. Paulo - Guarulhos(Aguardando autorização da ANAC)

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um aeroporto, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.