Aiguille du Midi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Agulha do Midi)
Ir para: navegação, pesquisa
Aiguille du Midi
Aiguille du Midi no inverno
Aiguille du Midi está localizado em: Alpes
Aiguille du Midi
Localização nos Alpes
Coordenadas 45° 52' 43" N 6° 53' 14" E
Altitude 3842 m (12605 pés)
Proeminência 310 m
Localização  França
Cordilheira Maciço do Monte Branco
Primeira ascensão 4 de agosto de 1818 por Antoni Malczewski, J.M. Balmat e outros cinco guias
Rota mais fácil teleférico e ascensor

A Aiguille du Midi (em português significa Agulha do Meio-dia[nota 1] ), é uma montanha situada no Maciço do Monte Branco, que com uma altitude de 3842 metros, a mais alta das Aiguilles de Chamonix. Sobre o pico eleva-se uma torre, com antenas de telecomunicações, representando o ponto culminante atual.

O cume é o ponto de chegada do Teleférico da Aiguille du Midi. A estação superior está situada a 3777 metros de altitude, e para alcançar o topo a 3842 m existe um ascensor. A montanha tem, no entanto, apenas 310 m de proeminência topográfica.

Em 4 de agosto de 1818 foi alcançado o cume norte por Antoni Malczewski, J.M. Balmat e outros cinco guias. Posteriormente, em 5 de agosto de 1856, J. A. Devouassoux e A. e J. Simond chegaram ao cume sul. A Aiguille do Midi é assinalada em vários números das 100 mais belas corridas de montanha.

O panorama[editar | editar código-fonte]

Vista aérea do cume, tomada de sudoeste. À esquerda, o pico norte e a estação do teleférico. Ao fundo, os Grandes Jorasses.

A Aiguille du Midi é um dos pontos de partida do Vale Branco (Vallée Blanche), e da Telecabine Panorâmica do Monte Branco, que atravessa o Glaciar do Gigante até à Ponta Helbronner. Esta fica na fronteira França-Itália, tem uma altitude de 3462 metros, e dela vê-se o Vale de Aosta e a região italiana do Piemonte.

Frente ao Monte Branco e sobre o Vale Branco, o sítio da Aiguille du Midi oferece uma vista majestosa sobre os principais cumes de mais de 4000 metros de altitude franceses, suíços e italianos, entre os quais o Monte Cervino, o Monte Rosa, as Aiguilles de Chamonix, os Grandes Jorasses (4208 m), a Aiguille Verte, as Les Drus, o Dôme du Goûter (4304 m) e o próprio Monte Branco (4810 m).

Para oeste, a vista permite observar Chamonix de forma soberba, embora o panorama se estenda a muitas regiões montanhosas, como o maciço das Aiguilles Rouges em primeiro plano, os Aravis, o Chablais, a Genevois, o Jura, e a Chartreuse. Balcões de observação e tábuas de orientação estão à disposição do público.

Existe ainda um restaurante denominado 3842 (3842 m é a altitude em metros do cume da Aiguille du Midi e não a do restaurante), que é o segundo mais alto da Europa.

Imagens[editar | editar código-fonte]

Imagens externas[editar | editar código-fonte]

Em Zorgloob o Glaciar de Talèfre e a localização da Aiguille Verte, Les Droites, Les Courtes, a Aiguille de Triolet, Aiguille de Talèfre, Aiguille de Leschaux, Dent du Géant, La Tour Ronde, Monte Branco do Tacul, Aiguille du Midi, Aiguille du Plan, Aiguille do Grépon, e a Aiguille de l'M.

Notas

  1. Segundo fr:Aiguille du Midi o termo Midi refere-se ao ponto cardeal sul e não ao zénite

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • Lucien Devies e Pierre Henry, Guide Vallot - La chaîne du Mont-Blanc, vol. 2, Les Aiguilles de Chamonix, Arthaud, 3ª Ed., 1977.
  • Sylvain Jouty e Hubert Odier, Dictionnaire de la Montagne, Arthaud, 1999.
  • Agnès Couzy e Catherine Mangeot, Aiguille du Midi et vallée Blanche, Hoëbeke, 2003.
  • Pierre-Louis Roy, L'aiguille du Midi et l'invention du téléphérique, Glénat, 2004.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Aiguille du Midi