Assimilação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Metaplasmos
Por adição de sons:
Prótese
Aglutinação
Epêntese
Anaptixe
Paragoge
Por supressão de sons:
Aférese
Deglutinação
Síncope
Haplologia
Apócope
Crase
Por modificação de sons:
Por transposição:
Metátese
Hipértese
Hiperbibasmo
Por transformação:
Apofonia
Assibilação
Assimilação
Consonantização
Desnasalização
Dissimilação
Ditongação
Fortição
Lenição
Metafonia
Monotongação
Nasalização
Palatalização
Sonorização
Vocalização

'Assimilação dois fonemas contínuos tornam-se iguais

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Originariamente, o termo assimilação referia-se a um processo unidimensional e de sentido único pelo qual indivíduos ou grupos migrantes minoritários seriam absorvidos pela sociedade de acolhimento. As investigações mais recentes encaram a assimilação como recíproca, acarretando ajustamentos tanto da cultura da sociedade dominante como das comunidades migrantes. Assimilação é o que acontece depois da absorção digestiva, ou seja, as substâncias que resultaram da digestão dos alimentos são levadas pela corrente sanguínea a todas as células e aí transformam-se na própria substância celular