Austin Powers: The Spy Who Shagged Me

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde outubro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Austin Powers: The Spy Who Shagged Me
Austin Powers: O Espião Irresistível (PT)
Austin Powers - O Agente Bond Cama (BR)
Austin Powers The Spy Who Shagged Me.jpg
 Estados Unidos
1999 • cor • 95 min 
Direção Jay Roach
Roteiro Mike Myers / Michael McCullers
Elenco Mike Myers
Heather Graham
Michael York
Robert Wagner
Rob Lowe
Género comédia
Idioma inglês / alemão
Página no IMDb (em inglês)

Austin Powers: The Spy Who Shagged Me (br: Austin Powers - O Agente "Bond" Cama / pt: Austin Powers: O Espião Irresistível) é um filme estadunidense lançado em 1999, dirigido por Jay Roach, e estrelado por Myers como o personagem-título. Myers também interpreta o Dr. Evil e o personagem Fat Bastard. O roteiro é de Mike Myers e de Michael McCullers.

É o segundo filme da série Austin Powers. O título do filme faz uma brincadeira com um filme de James Bond de 1977, The Spy Who Loved Me. O filme tem participações especiais de Burt Bacharach, Elvis Costello, Woody Harrelson, Willie Nelson, Jerry Springer e Rebecca Romijn.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Dr. Evil tem o plano de desenvolver uma máquina do tempo e retornar aos anos 60 para roubar a pujança* de Austin Powers, que assim não poderia impedir o vilão de disparar um laser gigante sobre a Terra. Mas Austin também retorna no tempo e, com a ajuda da agente Felicity Shagwell, vai em busca da força perdida.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o


Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 2000 (EUA)
Globo de Ouro 2000 (EUA)
  • Indicado na categoria de melhor canção - cinema (Beautiful Stranger).
Grammy 2000 (EUA)
  • Venceu na categoria de melhor canção escrita para cinema, televisão ou outra mídia visual (Beautiful Stranger).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]