Auto-hipnose

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Este artigo é órfão, pois não contém artigos que apontem para ele.
Por favor, ajude criando ligações ou artigos relacionados a este tema.


A auto-hipnose nada mais é que a hipnose aplicada da pessoa que hipnotiza para ela mesma. É uma habilidade extremamente útil para a promoção da saúde e bem-estar do seu praticante. Também pode ser utilizada apenas para atingir estado de relaxamento profundo, dormir melhor, melhorando, pois, a qualidade de vida. A melhor maneira de aprender a entrar em transe hipnótico é receber treinamento por um hipnólogo ou programador neurolinguista. Via de regra, ensinar auto-hipnose é o último passo de todo tratamento com hipnose, dotando o paciente de um recurso valioso na busca de seu próprio aprimoramento pessoal. Já foi dito que, segundo vários especialistas, toda hipnose é, na verdade, uma auto-hipnose.

Auto-hipnose Ericksoniana[editar | editar código-fonte]

Dr. Milton Erickson é um psiquiatra americano conhecido no mundo inteiro como um dos maiores hipnotistas de todos os tempos, tendo sido modelado por Richard Bandler e John Grinder, os criadores da PNL. Ele usava suas habilidades na cura de seus muitos clientes, que sofriam de inúmeros tipos de problemas variando de psicológicos a psicossomáticos, e conseguia resultados rápidos e mais que extraordinários. A seguir, estão algumas idéias retiradas do trabalho de Erickson (e de sua esposa, que também era praticante da auto-hipnose) por Bandler e Grinder:

  • Um transe auto-induzido pode ser utilizado para muitos fins; relaxar, pensar sobre a solução de problemas, integrar novas informações, etc.
  • Sempre coloque seu objetivo em termos positivos ("eu quero mais tranquilidade", por exemplo, ao invés de "não quero mais estresse"). É bom dar à sua mente inconsciente um conjunto completo de instruções antes de entrar em transe profundo (ex: "Assim que entrar em transe, quero ver, ouvir e sentir como se estivesse acontecendo novamente os cinco momentos de minha vida em que me senti e comportei de modo mais confiante. Enquanto isso, quero que meu inconsciente descubra).
  • Faça questão de criar uma "rede de segurança": "Eu quero entrar em transe para relaxar (ou obter uma resposta para ___________)" e "eu quero permanecer em transe por "X" minutos, ou até conseguir o meu objetivo. Neste momento vou sair do transe, sentindo-me relaxado, descansado e bem".
  • Compreendo que qualquer resposta poderá ser comunicada na forma de metáfora. Se eu tiver qualquer dúvida sobre meu bem-estar físico, mental, emocional ou espiritual, acordarei imediatamente em um estado mental adequado para lidar com a situação de maneira apropriada.

Leitura[editar | editar código-fonte]

  • Atravessando - passagens em psicoterapia (Bandler & Grinder, 1981), Summus Editorial.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]