Classe Oliver Hazard Perry

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor melhore este artigo, expandindo-o. Mais informação pode ser encontrada no artigo «Oliver Hazard Perry-class frigate» na Wikipédia em inglês e também na página de discussão. (fevereiro de 2015)
Classe Oliver Hazard Perry
O Oliver Hazard Perry líder da classe
Origem    Bandeira do país de origem
Construtor(es): Bath Iron Works
Todd Pacific Shipyards (San Pedro)
Todd Pacific Shipyards (Seattle)
Australian Marine Engineering Consolidated
Bazán
China Shipbuilding
Lançamento: 1976
Período de construção: 1975-2004
Precedido por: Classe Brooke
Sucedido por: Classe Freedom
Classe Independence
Subclasses Classe Adelaide Austrália
Classe Santa Maria Espanha
Classe Cheng Kung República da China
Unidade inicial: USS Oliver Hazard Perry (FFG-7)
Unidade final USS Ingraham (FFG-61)
Em serviço: 1977-presente
Operadores:  Marinha dos Estados Unidos
 Marinha Real Australiana
 Força Naval Real do Bahrein
 Marinha da República da China
 Marinha do Egito
 Marinha do Paquistão
 Marinha da Polônia
 Armada Espanhola
 Marinha da Turquia
Construídos: 71
Ativos: 6  Estados Unidos
2  Austrália
6 Flag of Spain.svg Espanha
8 Taiwan
Características gerais
Tipo: Fragata
Deslocamento: 4 200 t (9 260 000 lb)
Comprimento: 138 m (453 ft)
Boca: 14 m (45,9 ft)
Calado: 6,7 m (22,0 ft)
Propulsão: 2 x turbinas a gás General Electric LM2500-30
2 x unidades de propulsão auxiliar
1 x eixo com hélice de passo variável
41 350 hp (30 800 kW) (combinada)
Velocidade: +24 kn (44,5 km/h)
Autonomia: 4 500 m.n. (8 330 km) à 20 kn (37,1 km/h)
Armamento: Ver texto
Tripulação/Equipagem: 176

A classe Oliver Hazard Perry de fragatas foi concebida pela Marinha dos Estados Unidos durante a década de 1970. Substituiram os contratorpedeiros da Segunda Guerra Mundial.

A classe foi baptizada em homenagem ao Comodoro Oliver Hazard Perry. O primeiro navio a ter o seu baptismo de fogo foi o USS Stark, a 17 de Maio de 1987, no Golfo Pérsico, durante a Guerra Irão-Iraque, por um avião iraquiano. Nesse ataque, aparentemente acidental, morreram trinta e sete marinheiros norte-americanos, como num prelúdio à Operação Earnest Will, a escolta de petroleiros através do Golfo Pérsico. Em menos de um ano, a 14 de Abril de 1988, a fragata USS Samuel B. Roberts foi praticamente afundada por uma mina iraquiana. Não ocorreram baixas, embora tivessem de ser evacuados dez marinheiros. Os Estados Unidos retaliaram quatro dias depois, na Operação Praying Mantis, um ataque pontual às plataformas petrolíferas iraquianas que estavam a ser utilizadas como bases para raides contra os navios mercantes, como as operações de instalação de minas como as que danificaram o Roberts. Ambas fragatas foram reparadas nos estaleiros norte-americanos e retomaram ao serviço.

Especificações[editar | editar código-fonte]

  • Armamento:

Fragatas da classe Oliver Hazard Perry[editar | editar código-fonte]

Navios da classe nos Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

Navios da classe na Austrália[editar | editar código-fonte]

Navios da classe na Espanha[editar | editar código-fonte]

Navios da classe em Taiwan[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.