Comercinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde março de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Município de Comercinho
"Comercinho do Bruno"
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 1 de janeiro
Fundação 27 de março de 1945
Gentílico comerciense
Prefeito(a) Célio Barbosa Costa (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Comercinho
Localização de Comercinho em Minas Gerais
Comercinho está localizado em: Brasil
Comercinho
Localização de Comercinho no Brasil
16° 17' 45" S 41° 47' 34" O16° 17' 45" S 41° 47' 34" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Vale do Jequitinhonha IBGE/2008[1]
Microrregião Não disponível
Municípios limítrofes Medina, Salinas, Santa Cruz de Salinas, Rubelita, Itinga,
Distância até a capital 712 km
Características geográficas
Área 656,563 km² [2]
População 8 309 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 12,66 hab./km²
Altitude 580 m
Clima Tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,603 médio PNUD/2000[4]
PIB R$ 38 032,899 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 4 326,84 IBGE/2008[5]
Página oficial

Comercinho é um município brasileiro do estado de Minas Gerais.

História[editar | editar código-fonte]

A história do município inicia-se em 1860 com a chegada de Bruno de Resende e comitiva na região. Com o desenvolvimento da agricultura e da pecuária, o povoado prosperou e foi denominado Comercinho do Bruno, em homenagem a seu fundador. Mais tarde foi elevado à categoria de distrito e, posteriormente, a vila, subordinado sucessivamente a Araçuaí e Medina. Em 1948, emancipa-se.

Os primeiros relatos da história de Comercinho têm início com as primeiras expedições de bandeirantes ao interior do Brasil na primeira incursão de europeus ao território, conhecido hoje como o estado de Minas Gerais.

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município conta com uma formação geologica única e maravilhosa, se tornando um grande atrativo turístico no Vale do Jequitinhonha. Um de seus principais pontos turísticos é a Serra do Sossego, localizada na Fazenda Sossego, que permite ter uma vista ampla e muito bonita de toda a cidade. A Serra do Sossego tem aproximadamente 756 metros de altura a nível do mar.

Economia[editar | editar código-fonte]

O município é conhecido como "Terra da Cachaça" por produzir artesanalmente algumas das melhores aguardentes do estado. Dentre elas, estão a Contra-veneno, a Vencedora, a Baianinha e a cachaça Favorita.

O Município também se destaca na produção de fumo e pecuária.

Referências

  1. Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.