Dino Baggio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Dino Baggio
Informações pessoais
Nome completo Dino Baggio
Data de nasc. 24 de Julho de 1971 (43 anos)
Local de nasc. Camposampiero,  Itália
Altura 1,88 m
Informações profissionais
Posição Meia
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1988-1991
1991-1992
1992-1994
1994-2000
2000-2005
2003-2004
2004
2005-2006
2008-?
Itália Torino
Itália Internazionale
Itália Juventus
Itália Parma
Itália Lazio
Inglaterra Blackburn Rovers
Itália Ancona
Itália Triestina
Itália Tombolo
28 (2)
27 (1)
49 (1)
172 (20)
44 (1)
9 (1)
13 (0)
3 (?)
?
Seleção nacional3
1991-1999 Flag of Italy.svg Itália 60 (7)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 17/12/2006.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 17/12/2006.

Dino Baggio (Camposampiero, 24 de julho de 1971) é um futebolista italiano que participou das copas de 1994 e 1998.

Apesar do que alguns chegam a pensar, não possui nenhum parentesco com Roberto Baggio, de quem foi colega na Seleção Italiana nas Copas do Mundo de 1994 e 1998 e também na Juventus. Curiosamente, antes de chegar ao clube alvinegro, passara pelos dois grandes rivais deste: o Torino, onde começara a carreira, e a Internazionale, sua segunda equipe.

Mesmo tendo passado por três das maiores vencedoras da Serie A no início da carreira, suas passagens mais duradouras foram por Parma, onde marcou o gol do título da Copa da UEFA sobre sua ex-equipe da Juventus, em 1995 - havia ganho o mesmo troféu pela Juve em 1993, marcando gols nas duas partidas da decisão; e na Lazio, onde passou a maior parte dos últimos anos da carreira, vencendo a Copa da Itália de 2004.

Em Fevereiro de 2008, surpreendendo tudo e todos e a convite do seu primo Cesare Crivellaro, regressa ao futebol para jogar no Tombolo da terceira divisão italiana.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Bandeira de ItáliaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas italianos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.