Estante Virtual

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox important.svg
Este artigo ou seção parece estar escrito em formato publicitário.
Por favor ajude a reescrever este artigo para que possa atingir um ponto de vista neutro, evitando assim conflitos de interesse.
Para casos explícitos de propaganda, em que o título ou todo o conteúdo do artigo seja considerado como um anúncio, considere usar {{spam}}, regra n° 6 da eliminação rápida.
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde agosto de 2012).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Estante Virtual
Slogan "Busque livros na maior rede de sebos do Brasil."
Gênero Comércio de livros e correlatos
Cadastro requer cadastro para compra e venda
País de origem  Brasil
Idiomas Português
Lançamento 20 de outubro de 2005
Página oficial www.estantevirtual.com.br

A Estante Virtual é um portal brasileiro de comércio eletrônico que reúne o maior acervo de sebos (em Portugal, alfarrabista) e livreiros do Brasil. Através de um sistema de busca próprio, o portal oferece aos leitores acesso a mais de 11 milhões de livros seminovos e usados (números de março de 2013), além de raros e esgotados a preços em média mais baratos que as livrarias convencionais – o portal afirma ter economia média de 52% de desconto em relação às livrarias. A Estante possui cerca de 1,7 milhão de leitores cadastrados e vende 8 mil livros por dia (1 livro comprado a cada 5 segundos). Em números de março de 2013, o portal possuía mais de 1.500 vendedores.

A Estante Virtual foi criado pelo administrador carioca André Garcia em 20 de outubro de 2005.


Funcionamento[editar | editar código-fonte]

A Estante é um marketplace de nicho (livros e correlatos). Os leitores buscam livros por autor, título, editora ou descrição entre todas as ofertas de acervos dos vendedores cadastrados no portal. Os resultados contém informações adicionais detalhadas sobre cada exemplar, como ano de edição, gênero literário, estado de conservação, preço, e dados do vendedor, como formas de pagamento e índices de qualificação. O portal oferece diversos opção de refinar busca entre critérios, e também filtros e organizados de resultados, como Preço, Cidade, Vendedor, Frete, Ano e Categoria.

Um pedido pode conter vários livros de vários vendedores diferentes, cada um com prazo e preços diferentes para aquisição e envio. As formas de pagamento inclui o cartão de crédito via PayPal e depósito bancário. A entrega é feita pelos Correios.

Segurança[editar | editar código-fonte]

A Estante opera com certificações de segurança da Certisign e Norton Secured, além de ter seu compromisso particular intitulado "Site Protegido", focado na proteção e privacidade dos dados particulares do usuários. A Estante Virtual é membro da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABCOMM).

A garantia de qualidade do marketplace é feita pela Estante Virtual através de acompanhamento dos acervos, do atendimento e das estatísticas de todos os livreiros do portal usando critérios de performance comercial e termos de vendas. [1]

Ao contrário de alguns modelos de marketplace, a Estante Virtual se responsabiliza pelas vendas realizadas no portal, garantindo a entrega ou o ressarcimento do pagamento.

Em avaliações do serviço e-Bit, principal pesquisador de avaliações dos consumidores brasileiros, a Estante Virtual possui o selo "Diamante", o mais alto da categoria. [2]

O Modelo de Qualificações[editar | editar código-fonte]

A Estante Virtual possui um modelo inédito de transparência na apresentação das Qualificações dos pedidos realizados por leitores. O portal mostra na sua página inicial o link para todas as qualificações das últimas 24 horas em tempo real, sem filtros, apresentando o vendedor envolvido no pedido, a data, a qualificação nominal (ótimo, boa, regular, ruim e insatisfatória) e a qualificação escrita (além de réplicas, se houver). As "Qualificações Positivas" se referem à soma das qualificações de "Bom" e "Ótimo", geralmente na média de 96 e 97% (últimos 3 anos). Os índices gerais de cada vendedor são mostrados também nas páginas dos exemplares oferecidas no portal, em formato de estrelas e com o índice numérico.

Leitura Sustentável[editar | editar código-fonte]

Ao re-comercializar livros, a Estante acredita promover o que chama de "leitura sustentável" - a preservação do meio-ambiente e das árvores usadas na produção de papel. Desde 2005, quando começou a operar, o portal teria economizado "46 mil árvores", equivalentes a produção de papel para os mais de 6 milhões de livros vendidos neste período. O portal argumenta que a parte econômica da sustentabilidade é provida pelo fortalecimento do setor de sebos e livrarias pequenas e médias, que se beneficiam da tecnologia e do poder comercial do portal para crescer e vender, impulsionando o mercado.

Nas Redes Sociais[editar | editar código-fonte]

Embora ainda não utilize as redes sociais como canal de vendas, a Estante pode ser encontrada nas principais redes sociais fazendo promoções ou divulgado os livros oferecidos, como Twitter e Facebook:

  • Estante Virtual no Orkut [3]
  • Estante Virtual no Twitter [4]
  • Estante Virtual no Facebook [5]
  • Estante Virtual no Youtube [6]
  • Blog da Estante Virtual [7]

Críticas[editar | editar código-fonte]

Desde 2012, sebos e livreiros têm feito críticas ao site devido à falta de transparência e unilateralidade de suas decisões. No começo de junho de 2014, 150 sebos e livreiros retiram seus acervos do ar em protesto ao reajuste de 100% nas tarifas sobre vendas[8] [9] .

Um abaixo-assinado on-line, que foi ao ar no mesmo período, possui mais de 15 mil signatários exigindo mudanças na Estante Virtual[10] .

Presença Física[editar | editar código-fonte]

Apesar de ser um e-commerce e vender livros exclusivamente online, a Estante Virtual marca presença física em alguns eventos, entre eles a Bienal do Livro, onde todos os anos a empresa entra com estandes que geram sempre enormes filas:

  • Estante Virtual na Bienal do Livro [11]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]