Fay Weldon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Fay Weldon CBE (nascida em 22 de Setembro de 1931) é uma romancista britânica, escritora de contos, teatróloga e ensaísta, cujo trabalho tem sido associado ao Feminismo. Na sua ficção, Weldon tipicamente retrata mulheres contemporâneas que ficam "presas" em situações opressivas causadas pela estrutura patriarcal da sociedade ocidental, em particular a britânica.

Weldon nasceu como Franklin Birkinshaw em Alvechurch, Worcestershire, Inglaterra, numa família literária. Seu avô materno, Edgar Jepson (1863-1938), e sua mãe, Margaret (que usava o pseudônimo Pearl Bellairs - uma personagem de Crome Yellow, uma novela de 1922 de Aldous Huxley) escreviam novelas. Fay Weldon passou seus primeiros anos de vida em Auckland, na Nova Zelândia, onde seu pai trabalhava como médico. Porém, aos 14 anos, depois do divórcio de seus pais, ela mudou-se para a Inglaterra com sua mãe e com sua irmã Jane e, desde então, nunca mais viu seu pai.

Ela foi para a Universidade de St Andrews, na Escócia, para estudar psicologia e economia, mas mudou-se para Londres ao dar luz a uma criança ilegítima. Logo depois, Fay casou-se com seu primeiro marido, Ronald Bateman, um professor que tinha 20 anos a mais do que ela e que não era o pai biológico de seu filho. Eles começaram a viver em Acton, Londres, e se divorciaram dois anos depois. Para sustentar ela mesma e seu filho, que estava indo para a escola, Weldon começou a trabalhar na indústria de publicidade. Como chefe de preparação de escrito e matéria de propaganda, ela foi num momento responsável pela publicação da frase "Go to work on an egg" - cujo propósito era colocar ovos no café da manhã das pessoas, para iniciar bem o dia. Uma vez, ela cunhou o slogan "Vodka gets you drunker quicker". Ela disse numa entrevista com o jornal The Guardian: "Apenas pareceu... ser óbvio que pessoas que quisessem beber rápido, precisariam saber disso". Seus chefes discordaram e suprimiram o slogan.

Aos 29 anos, ela conheceu Ronald Weldon, um comerciante de antigualhas. Eles se casaram e tiveram três filhos juntos. Foi durante a segunda gravidez de Weldon que Ronald começou a escrever para o rádio e para a televisão. Poucos anos depois, em 1967, ela publicou seu primeiro romance, The Fat Woman's Joke. Nos trinta anos seguintes, ela construiu uma carreira bem-sucedida, publicando 20 romances, coleções de contos, filmes de televisão, artigos de jornais e revistas e tornando-se um rosto e uma voz bastante conhecidos na BBC. Em 1971, escreveu o primeiro episódio da série de televisão Upstairs, Downstairs, pelo qual ela ganhou o prêmio Writers Guild pelo melhor roteiro de série de televisão britânica. Ela escreveu também o roteiro da adaptação para mini-série (de 1980, da BBC) de Pride and Prejudice, de Jane Austen, estreando Elizabeth Garvie e David Rintoul. Em 1989, ela contribuiu para o libreto do teatro musical Someone Like You (com a cantora Petula Clark) do teatro West End.

Em 1994, Ronald e Fay Weldon divorciaram-se. Atualmente, ela está casada com Nick Fox, um poeta, com quem vive em Hampstead, Londres.

Romances[editar | editar código-fonte]

Weldon publicou sua Autobiografia, "Auto de Fay", em 2002 (uma alusão para Auto-de-fé)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]