Gizé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.
Gizé
ⲅⲓⲍⲁ
الجيزة
—  Cidade  —
Rua Pirâmide de Gizé
Rua Pirâmide de Gizé
Bandeira de Gizé
Bandeira
Gizé está localizado em: Egito
Gizé
Localização de Gizé no Egito
30° 01' N 31° 13' E
País  Egito
Governo Guizé
Área
 - Total 1 579,75 km²
Altitude 19 m (62 pés)
População (2012)
 - Total 3 628 062
    • Densidade 2,300/km2 
Fuso horário EST (UTC+2)
Código de área (+20) 2
Sítio www.giza.gov.eg/English/default.aspx
As Pirâmides de Gizé na década de 1960
Mapa do Egipto: Gizé está na ao nordeste do país (Giza).

Gizé, Guizé, ou Guiza[1] (em árabe: الجيزة; transl.: el-Gīza; em copta: ⲅⲓⲍⲁ; transl.: Giza) é a terceira maior cidade do Egito. Localiza-se na margem ocidental do rio Nilo, a cerca de 20 quilômetros a sudoeste do centro do Cairo, capital do país e cidade com a qual forma uma conurbação nos dias atuais. Juntamente com Shubra El-Kheima, Cairo e Helwan forma a metrópole que constitui o Grande Cairo. A cidade é capital da província de Gizé, do qual localiza-se na fronteira nordeste. Sua população era de 2 681 863 habitantes, de acordo com o censo nacional de 2006, enquanto a província tinha 6 272 571 habitantes, de acordo com o mesmo censo. Este número elevado de habitantes faz de Gizé o segundo maior subúrbio do mundo, juntamente com Incheon, na Coreia do Sul, e Quezon City, nas Filipinas, atrás apenas de Yokohama, no Japão.

Gizé é célebre por ser o local onde se encontra o Planalto de Gizé, onde estão alguns dos mais impressionantes monumentos antigos do mundo, incluindo um complexo de estruturas sagradas e fúnebres do Egito Antigo, como a Grande Esfinge, a Grande Pirâmide de Gizé e diversas outras pirâmides e templos. Tanto o planato quanto seus monumentos foram mapeados pelo Projeto de Mapeamento do Planato de Gizé (Giza Plateau Mapping Project), coordenado pelos Ancient Egypt Research Associates (AERA, "Sócios para a Pesquisa do Antigo Egito") e dirigido por Mark Lehner.[2]

A Grande Pirâmide de Gizé chegou a ser proposta, em 1884, como a localização do meridiano primordial, um ponto de referência utilizado para a determinação de uma longitude.[3]

Referências

  1. Araújo, Luís Manuel de. Egipto: As Pirâmides do Império Antigo. 2ª ed. Lisboa: Colibri, 2003. 287 pp. p. 44. ISBN 9727724361
  2. The Giza Plateau Mapping Project, Lehner, Mark; Hunt, Brian V.
  3. The Canary Islands and the Question of the Prime Meridian: The Search for Precision in the Measurement of the Earth, Wilcomb E. Washburn.
Imagem: Pirâmides de Guizé Na cidade de Gizé encontra-se o sítio Pirâmides de Guizé, Património Mundial da UNESCO. Welterbe.svg
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Egito, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gizé