Jequitaí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Jequitaí
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 27 de dezembro
Fundação 27 de dezembro de 1948
Gentílico jequitaiense
Prefeito(a) Juvelci dos Santos Menezes (PMN)
(2009–2012)
Localização
Localização de Jequitaí
Localização de Jequitaí em Minas Gerais
Jequitaí está localizado em: Brasil
Jequitaí
Localização de Jequitaí no Brasil
17° 14' 09" S 44° 26' 45" O17° 14' 09" S 44° 26' 45" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Norte de Minas IBGE/2008 [1]
Microrregião Pirapora IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Várzea da Palma, Claro dos Poções, Francisco Dumont,São João da Lagoa, Lagoa dos Patos.
Distância até a capital 400 KM km
Características geográficas
Área 1 268,279 km² [2]
População 8 010 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 6,32 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,705 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 65 251,287 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 7 974,98 IBGE/2008[5]
Página oficial

Jequitaí é um município brasileiro do estado de Minas Gerais.

História[editar | editar código-fonte]

Um próspero garimpo de diamantes formou o arraial que deu origem à cidade de Jequitaí. Era o arraial chamado Nossa Senhora da Conceição do Jequitaí.

Em 1884, o arraial é precocemente elevado à cidade mas, em 1890, desce dessa categoria e torna-se distrito de Montes Claros, com o nome de Vila Nova de Jequitaí. Volta a ser município definitivamente em 1948, com o nome atual.

É naquela região que está situada a Lapa Pintada, que constitui importante sítio arqueológico. Outros atrativos são o Curral de Pedras, belo refúgio de pássaros e animais silvestres, e a catarata do Sítio, que forma uma linda piscina natural.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2004 era de 8.444 habitantes.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.