Luísa Diogo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luísa Dias Diogo
Luísa Dias Diogo
Primeira ministra de  Moçambique
Período de governo 17 de fevereiro de 2004 - 16 de janeiro de 2010
Antecessor(a) Pascoal Mucumbi
Sucessor(a) Aires Ali
Vida
Nascimento 11 de Abril de 1958 (56 anos)
Tete, Moçambique
Dados pessoais
Partido FRELIMO
Profissão economista e política

Luísa Dias Diogo (11 de abril de 1958) é uma economista moçambicana. Foi Ministra do Plano e Finanças entre 1999 e 2005 do Governo de Moçambique, a partir de fevereiro de 2004,[1] com a demissão do então Primeiro Ministro Pascoal Mucumbi, acumulou aquela pasta com a de Primeira Ministra. Foi exonerada, junto com todo o Governo em Janeiro de 2005, na sequência das eleições gerais de Dezembro de 2004. Em Fevereiro de 2005, foi nomeada de novo Primeira Ministra pelo recém-empossado Presidente Armando Guebuza.

Foi exonerada em Janeiro de 2010 pelo reeleito Presidente Guebuza e substituída por Aires Ali.

Referências

  1. "Quantas mulheres mandam no mundo atualmente", Marina Motomura, Mundo Estranho número 73, março de 2008, Editora Abril, pág. 62
Precedido por
Pascoal Mucumbi
Primeiro-ministro de Moçambique
2004 - 2010
Sucedido por
Aires Bonifacio Ali
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Luísa Diogo


Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.