Lucrecia Martel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Lucrecia Martel durante coletiva de imprensa na Festa Literária Internacional de Parati, Rio de Janeiro.

Lucrecia Martel nasceu no dia 14 de dezembro de 1966, na província de Salta, Argentina. Durante a adolescência gostava de filmar a sua numerosa família, mas nunca pensou que poderia chegar a estudar cinema.

Em 1986 mudou-se para Buenos Aires para cursar a faculdade de Ciências da Comunicação. Realizou alguns curtas, entre eles Rey Muerto (1995), que recebeu vários prêmios em festivais internacionais.

Nos anos seguintes fez alguns documentários para a televisão e um programa infantil de humor negro, que recebeu prêmios da crítica argentina. Em 1999 recebeu o Sundance/NHK Filmaker Award pelo roteiro de La Ciénaga (O Pântano).

Já como uma diretora consagrada, em 2004, participou da Mostra Oficial do Festival de Cannes com seu segundo longa-metragem, La Niña Santa, que conta com a produção executiva dos irmãos Almodóvar.

Com seu talento e dedicação, Lucrecia Martel abriu caminho para muitos jovens da província de Salta que querem seguir seus passos.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.