Festival de Cannes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde março de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Festival de Cannes é um festival de cinema criado em 1946, conforme concepção de Jean Zay, e até 2002 chamado Festival international du film, é um dos mais prestigiados e famosos festivais de cinema do mundo. Acontece todos os anos, no mês de maio, na cidade francesa de Cannes. O "mercado do filme" (marché du film) acontece paralelamente ao festival.

História[editar | editar código-fonte]

No final dos anos 1930, chocado pela ingerência dos governos fascistas alemão e italiano na seleção dos filmes da Mostra de Veneza, Jean Zay, ministro da Instrução pública e de Belas Artes, propõe a criação, em Cannes, de um festival cinematográfico de nível internacional. Em junho de 1939, Louis Lumière aceita ser o presidente da primeira edição do festival, que deveria acontecer do 1 ao 30 de setembro. A declaração de guerra da França e do Reino Unido à Alemanha em 3 de setembro põe fim prematuramente a essa decisão, apesar de o prêmio ter sido atribuído a Union Pacific, de Cecil B. DeMille.

A primeira edição do festival aconteceu realmente em 1946. O festival não aconteceu em 1948 e 1950 por problemas financeiros. Em 1955, foi introduzida pelo comitê organizador a Palma de Ouro como prêmio principal do evento - antes desta data, ele era conhecido como Grand Prix du Festival international du Film.

O festival de 1968 foi interrompido em 19 de maio. Na véspera, Louis Malle, demissionário do júri, François Truffaut, Claude Berri, Jean-Gabriel Albicocco, Claude Lelouch, Roman Polanski e Jean-Luc Godard, ao penetrarem na grande sala do Palácio, haviam exigido a interrupção da projeção em solidariedade aos operários e estudantes em greve.

A edição de 2006 teve júri presidido pelo cineasta chinês Wong Kar Wai (de Amor à Flor da Pele e 2046). O prêmio principal, esperado para o mexicano Alejandro González Iñárritu (que ganhou o troféu como melhor diretor por Babel), acabou saindo para o realizador britânico Ken Loach, com The Wind That Shakes the Barley.

Lusofonia em Cannes[editar | editar código-fonte]

O tapete vermelho, em Cannes

Seções do Festival de Cannes[editar | editar código-fonte]

A seleção oficial 
  • Longa-metragens em competição (Longs métrages en compétition)
  • Longa-metragens fora de competição (Longs métrages hors compétition)
  • Um certo olhar (Un certain regard)
  • Curta-metragens em competição (Courts métrages en compétition)
  • Cine-fundação (Cinéfondation)
As seções paralelas 
  • A Semana da crítica (La Semaine de la critique)
  • A Quinzena dos diretores (La Quinzaine des réalisateurs)

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o
Longa-metragens da competição oficial 
Curta-metragens da competição oficial 
Seleção oficial (competição e Un certain regard), a Quinzena dos diretores e a Semana da crítica 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Projetos relacionados[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]