Pelle, o Conquistador

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pelle Erobreren
Pelle, o Conquistador (PT/BR)
 Dinamarca/ Suécia
1987 • Cor • 157 min 
Direção Bille August
Produção Per Holst
Roteiro Bille August
Per Olov Enquist
Janus Billeskov Jansen
Max Lundgren
Bjarne Reuter
Martin Andersen Nexø (livro)
Elenco Pelle Hvenegaard
Max von Sydow
Erik Paaske
Björn Granath
Astrid Villaume
Género Drama
Idioma Dinamarquês
Sueco
Música Stefan Nilsson
Direção de arte Anna Asp
Direção de fotografia Jörgen Persson
Figurino Kicki Ilander
Edição Janus Billeskov Jansen
Estúdio Per Holst Filmproduktion
Página no IMDb (em inglês)

Pelle erobreren (br/pt: Pelle, o Conquistador) é um filme dinamarquês e sueco de 1987, do gênero drama, dirigido por Bille August. O filme é uma adaptação de Bille August, Per Olov Enquist, Janus Billeskov Jansen, Max Lundgren e Bjarne Reuter do livro de Martin Andersen Nexø.

O filme consta da lista do The New York Times (EUA) dos 100 melhores filmes de todos os tempos. Foi o segundo filme dinamarquês a receber o Oscar de melhor filme estrangeiro (em 1988); o anterior tinha sido A festa de Babette, um ano antes.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O filme conta a história de imigrantes suecos na Dinamarca, tentando reconstruir suas vidas.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Pelle Hvenegaard.... Pelle
  • Max von Sydow.... Lassefar
  • Erik Paaske.... Forvalter
  • Björn Granath.... Erik
  • Astrid Villaume.... Fru Kongstrup
  • Axel Strøbye.... Kongstrup
  • Troels Asmussen.... Rud
  • Kristina Törnqvist.... Anna
  • Karen Wegener.... Madam Olsen
  • Sofie Gråbøl.... Jomfru Sine
  • Lars Simonsen.... Niels Køller
  • Buster Larsen.... Ole Køller

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Oscar 1989 (EUA)

Festival de Cannes 1988 (França)

BAFTA 1990 (Reino Unido)

  • Indicado na categoria de melhor filme em língua estrangeira.

Globo de Ouro 1989 (EUA)

  • Venceu na categoria de melhor filme estrangeiro.

Prêmio Bodil 1988 (Dinamarca)

  • Venceu nas categorias de melhor ator (Max von Sydow), melhor filme, melhor ator coadjuvante (Björn Granath) e melhor atriz coadjuvante (Karen Wegener).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.