Audrey Tautou

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Audrey Tautou
Audrey em 2014,no Prêmio César
Nascimento 9 de agosto de 1976 (38 anos)
Beaumont, Puy-de-Dôme, França
Nacionalidade França Francesa
Ocupação Atriz
Festival de Cannes
Trophée Chopard
2001 - Prêmio de Reconhecimento
César
Melhor Atriz Revelação
2000 - Venus Beauty Institute
IMDb: (inglês)


Audrey Justine Tautou (Beaumont, Puy-de-Dôme, 9 de agosto de 1976[1] ) é uma atriz francesa, mundialmente conhecida por protagonizar a produção francesa O fabuloso destino de Amélie Poulain (Le fabuleux destin d'Amélie Poulain, 2001). Na França, contudo, já era reconhecida por sua atuação em Vénus beauté (institut) (1999), seu primeiro longa-metragem. Desde 2009 é a nova cara do perfume Chanel Nº 5.

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Tautou nasceu em Puy-de-Dôme, localidade de Auvergne e foi criada em Montluçon. Seu pai era dentista e sua mãe professora. Tem um irmão e duas irmãs menores que ela.

Desde pequena foi fascinada por primatas.

Depois da premiere de Amélie, ela viajou para as florestas da Indonesia para ajudar um santuário de preservação de primatas.

Se interessou pela comédia ainda pequena e começou a ter aulas de atuação na escola de alto prestígio Corus Florent.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Tautou disse que Meryl Streep, Paul Newman, Juliette Lewis, Jodie Foster e Julianne Moore são seus ídolos de atuação. Em 1998 Tautou participou de um casting em um canal de televisão francês, chamado "Jeunes Premiers", e ganhou na categoria Melhor Atriz Jovem no 9° Festival de Béziers. Depois participou do filme Venus Beauty Institute, pelo qual ganhou o César de Melhor Atriz Revelação. Em 2000 ganhou um Prix Suzanne Bianchetti por ser a atriz mais promissora de seu país.

Já sendo conhecida na França pelo seu Trabalho em Venus Beauty Institute, em 2001, Tautou ganhou fama mundial pela sua atuação na comédia romântica francesa Le Fabuleux Destin d'Amélie Poulain. Em junho de 2004, foi convidada para fazer parte da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, da qual é membro desde 1 de setembro de 2006.

Em 2005 trabalhou na sua produção de Hollywood ao lado de Tom Hanks na adaptação de O Código Da Vinci, interpretando a criptóloga Sophie Neveu. Também trabalhou ao lado de Gad Elmaleh em Hors de prix. Tautou disse que considera a França sua base no trabalho. Até disse em uma entrevista: "Sou uma atriz francesa. Não estou dizendo que nunca mais trabalharei em um filme que fala inglês, mas minha casa e minha carreira estão na França. Eu nunca me mudaria para Los Angeles".

Em 2009, protagonizou Coco Chanel no filme Coco Antes de Channel Coco Avant Chanel, de direção de Anne Fontaine, baseiado no livro, L'Irrégulière, da jornalista Edmonde Charles-Roux.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Seus autores preferidos são Victor Hugo, Oscar Wilde, Paul Auster, e Timothy Zahn; e seus poetas favoritos são Charles Baudelaire e Tristan Tzara.

Tautou tira fotos de cada repórter que a entrevista e as mantêm em um livro de colagens[carece de fontes?].

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • Recebeu uma indicação ao BAFTA de melhor atriz, por O fabuloso destino de Amélie Poulain (2001) e por Coco Avant Channel (2010)
  • Recebeu duas indicações ao César de melhor atriz por O fabuloso destino de Amélie Poulain (2001), por Eterno amor (2004) e por Coco Avant Channel (2010)
  • Recebeu uma indicação ao European Film Awards de melhor atriz, por Eterno amor (2004)
  • Ganhou o César de melhor revelação feminina, por Instituto de Beleza Vênus (1999)

Referências

  1. Extrait de naissance nº6672/1976. Les gens du cinéma (em francês) Lesgensducinema.com.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Audrey Tautou