MV Blue Marlin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Blue Marlin
Blue Marlin carregado com o USS Cole.
Carreira
Proprietário Dockwise Limited
Operador Dockwise Limited
Fabricante CSBC Corporation, Taiwan (Kaohsiung, Taiwan)
Lançamento 23 de dezembro de 1999
Porto de registo  Antilhas Holandesas, Curaçao
 Panamá 2000-2003
Número de registo No ABS
Call sign: PJFM
Código DNV: 20651
IMO:9186338
No MMSI: 306589000
Características gerais
Classe A1 General Cargo Carrier E0 DK(+) PWDK TMON
Arqueação 51 821 AB
15 547 AL
76 061 Porte
Comprimento 224,8 m (738 ft)
Boca 63,1 m (207 ft)
Calado 13,3 m (43,6 ft)

Blue Marlin é um navio de elevação pesado semissubmersível de propriedade da Dockwise, localizada nos Países Baixos. Projetado para transportar grandes sondas de perfuração sob o seu deck, é equipado com 38 cabines com acomodações para 60 pessoas, sala de musculação, sauna e piscina. O Blue Marlin e seu navio irmão Black Marlin fazem parte da classe Marlin de navios de levantamento pesado.

História[editar | editar código-fonte]

O Blue Marlin e seu navio irmão eram propriedade da Offshore Heavy Transport de Oslo, Noruega, desde sua construção em abril de 2000 e novembro de 1999, respectivamente, até 6 de julho de 2001, quando foram adquiridos pela Dockwise. A Marinha dos Estados Unidos contratou o Blue Marlin para deslocar o contratorpedeiro USS Cole de volta aos Estados Unidos depois do navio ser danificado num ataque suicida da Al-Qaeda enquanto estava atracado no porto de Aden, Iêmen.[1]

Em julho de 2005, o Blue Marlin transportou a refinaria de gás Snøhvit do seu local de construção em Cádiz para Hammerfest, em uma viagem de 11 dias.[2] Esse transporte foi filmado pelo programa de TV Extreme Engineering do Discovery Channel e pelo programa Mega Movers do History Channel.

Em novembro de 2005, o Blue Marlin partiu de Corpus Christi, Texas, para transportar o Sea-based X-band Radar até a Ilha Adak no Alaska, através do extremo sul da América do Sul e Pearl Harbor, Hawaii. Ele chegou a Pearl Harbor em 9 de janeiro de 2006 após viajar 15 000 milhas.

Em 16 de junho de 2012, o navio atracou em Ferrol para se preparar para transportar o navio HMAS Canberra até Melbourne, Austrália.[3]

Referências

  1. Brian Whitaker. "Attack on the USS Cole: The Bin Laden connection'", The Guardian, 15 outubro 2001. Página visitada em 9 setembro 2012.
  2. Nina Berglund. "'Snow White' gets her heart", Aftenposten, 11 julho 2005. Página visitada em 5 março 2011.
  3. El "Blue Marlin" permanece desde ayer atracado en Navantia Fene (em Spanish) diario de Ferrol (17 de junho de 2012). Visitado em 27 de junho de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre MV Blue Marlin


Notas[editar | editar código-fonte]