Macarrão instantâneo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
um tipico bloco de macarrão instantâneo.

O macarrão instantâneo (conhecido no Brasil como miojo) é um prato típico da culinária japonesa constituído de macarrão pré-cozido, que pode ser preparado apenas com o acréscimo de água. O seu preparo é rápido por causa do seu pré-cozimento durante a fabricação. O macarrão instantâneo é cozido e, em seguida, perde a água, tendo uma facilidade em prepará-lo.

Por causa deste processo de pré-cozimento, onde passa por fritura, deixa a massa mais calórica. Por exemplo, "um pacote de 90 gramas do macarrão convencional tem cerca de 315 calorias, enquanto a mesma quantia do macarrão instatâneo contém, em média, 420 calorias", diz a nutricionista Juliana de Moraes Chaves, do centro Universitário Monte Sarrat, em Santos (SP).

Origem do macarrão instantâneo[editar | editar código-fonte]

Acredita-se que o primeiro macarrão instantâneo foi o E-fu, na China, do século XVI. Entretanto, o inventor do macarrão instantâneo de nossos dias foi Momofuku Ando, nascido em Taiwan em 1910 durante a ocupação japonesa. Apelidado de o "Rei dos Macarrões", Momofuku morreu em 5 de janeiro de 2007, aos 96 anos, em Osaka no Japão, em decorrência de uma crise cardíaca. "A paz está garantida quando não se está com fome", dizia Momofuku, que criou o famoso macarrão em 1958, pela empresa Nissin, que no Brasil em seus primeiros anos teve o nome Miojo, o qual se tornou sinônimo do produto. Atualmente, há uma variada gama de produtos baseados em macarrão instantâneo: talharim, yakisoba, lámens e entre outros.

Em sua biografia, Momofuku[1] diz que sua necessidade de fabricar alimentos de baixo custo e de preparo fácil se deu início após ter presenciado, depois da guerra, uma enorme fila de pessoas famintas diante de uma vitrine clandestina de sopas de fios de massa.

Noodles[editar | editar código-fonte]

Um dos exemplos do uso de macarrão instantâneo são os Noodles. Os Noodles foram pensados para oferecer o máximo de praticidade - o bloco de Noodles suspenso no copo tem uma menor densidade na parte de cima do ninho, para que a água quente despejada faça com que os Noodles se soltem e hidratem rapidamente. Como esse bloco é empurrado contra a superfície interna do copo, isso impede a ruptura do Noodles e aumenta a força do copo, consequentemente minimizando os danos do copo durante o transporte. E como o Noodles é preparado em seu próprio pacote, não é preciso nenhum utensílio de cozinha. Tudo que é necessário é água quente, garfo ou hashi.

Seu baixo custo e sua facilidade na preparação tornam o macarrão instantâneo um alimento popular entre muitas pessoas, inclusive as com falta de tempo para cozinhar.

Referências

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Macarrão instantâneo
Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.