Mundo Bizarro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Mundo Bizarro
Informações da Publicação
Publicado por DC Comics
Primeira Aparição Action Comics #263
(Abril de 1960)
Tipo Planeta
Criado por Otto Binder (escritor)
Wayne Boring (desenhista)
Principais Representantes Bizarro
Batzarro
Bizarra
Lanterna Amarelo
Flash Bizarro

O Mundo Bizarro (em inglês Bizarro World) é um planeta fictício das histórias em quadrinhos do Super-Homem[1] do período pré-Crise. Trata-se de um planeta simetricamente oposto ao planeta Terra, desde seu formato até o comportamento de seus habitantes. O conceito de bizarro foi integrado a sociedade como uma versão mutilada de qualquer coisa. [2]

Origem[editar | editar código-fonte]

O planeta foi colonizado por um casal constituído por um clone defeituoso do Super-Homem, o Super-Homem Bizarro (ou simplesmente Bizarro), e sua esposa, Lois-Bizarro, que por sua vez era clone de Lois Lane. Criados na Terra, o casal saiu do planeta por se sentirem rejeitados. Ao encontrarem o planeta Htrae, fizeram dele sua moradia. Lá, encontram tecnologia suficiente para povoar o planeta inteiro com outras duplicatas imperfeitas de Super-Homem e Lois Lane.

Posteriormente, o planeta teria versões Bizarro de outros personagens do universo do Super-Homem, como Perry White Bizarro e Jimmy Olsen Bizarro. Também haveria os filhos de Bizarro #1 e Lois-Bizarro. Houve também versões da Legião de Super-Heróis e da Liga da Justiça (contanto com versões de, entre outros, Aquaman, que não sabe nadar; Flash, o Homem Mais Lerdo do Mundo e Lanterna Amarelo, o oposto do Lanterna Verde).

Houve também versões de inimigos do Super-Homem, como Lex Luthor, cuja versão no Mundo Bizarro era um homem de bem.


Referências

  1. Inimigos do Superman - Bizarro e o Planeta Bizarro
  2. Toonopedia. Bizarro. Visitado em 6 de maio de 2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.