Murdo MacLeod

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
MacLeod
Informações pessoais
Nome completo Murdo Davidson MacLeod
Data de nasc. 24 de Setembro de 1958 (55 anos)
Local de nasc. Glasgow,  Reino Unido
Nacionalidade Escocês
Altura 1,78 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meio-campista
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1975-1978
1978-1987
1987-1990
1990-1993
1993-1995
1995-1996
Dumbarton
Celtic
Borussia Dortmund
Hibernian
Dumbarton
Partick Thistle
87 (9)
281 (55)
103 (4)
78 (2)
66 (1)
1 (0)
Seleção nacional
1985-1991 Flag of Scotland.svg Escócia 20 (1)

Murdo Davidson MacLeod (Glasgow, 24 de setembro de 1958) é um ex-futebolista escocês que atuava como meio-campista. Ele jogou a Copa de 1990[1] [2] .

Carreira em clubes[editar | editar código-fonte]

Revelado pelo Dumbarton em 1975, quando tinha apenas 17 anos, MacLeod atuou durante quatro anos pela equipe. Seu desempenho lhe rendeu um contrato com o Celtic, onde conseguiu o auge de sua carreira.

Com a camisa alviverde, MacLeod disputou 281 partidas e marcou 55 gols. Pelos Bhoyz, conquistou quatro títulos do Campeonato Escocês, duas Copas da Escócia e uma Copa da Liga Escocesa.

Sua única experiência fora da Escócia foi no Borussia Dortmund. Em três anos com o clube alemão, MacLeod levou consigo uma Copa da Alemanha e uma Supercopa.

De volta à Escócia, ele assinou com o Hibernian, onde conquistou seu último título como jogador: a Copa da Liga Escocesa, em 1991.

No ano de 1993, MacLeod retornou ao Dumbarton, equipe que o revelou, mas dessa vez não levou mais títulos de relevância, tendo inclusive iniciado sua curta carreira como treinador enquanto atuava pela agremiação. Ele encerrou sua carreira em 1996, após disputar uma única partida pelo Partick Thistle, o "primo pobre" de Glasgow. Ele estava prestes a completar 38 anos.

Carreira internacional[editar | editar código-fonte]

MacLeod estreou pela Escócia em 1985, mas não foi convocado por Alex Ferguson para o Mundial de 1986, realizado no México.

Com a não-classificação dos azuis para a Eurocopa de 1988, MacLeod esperou até 1990 para disputar seu único torneio com a Seleção: a Copa da Itália.

Como nas últimas participações da Escócia em Copas, a equipe acabaria caindo na primeira fase.

A bolada que levou de Branco[editar | editar código-fonte]

Ainda na Copa de 1990, um lance marcou a carreira de MacLeod: no jogo entre Brasil e Escócia, MacLeod acabaria levando uma bolada do lateral Branco. Numa cobrança de falta, Branco chutou a 100 km/h e a bola acertou violentamente a cabeça do escocês, que caiu no gramado. Foi substituído e chegou a ir para o hospital, com concussão cerebral, onde existiram rumores que teria falecido, o que era mentira.

Referências

  1. Seleção Escocesa na Copa do Mundo FIFA de 1990 (em português) Fifa.com. Página visitada em 28 de dezembro de 2010.
  2. Jogos da Copa de 1990 - Classificação (em português) Universo Online. Página visitada em 28 de dezembro de 2010.