Nicolau Constantinovich da Rússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nicolau Constantinovich da Rússia
Grão-duque da Rússia (velikiy knyaz)
Cônjuge Nadedja Alexandrovna von Dreyer
Descendência
Artemy Nikolaievich Romanovsky-Iskander
Aleksandr Nikolaievich Romanovsky-Iskander
Pai Constantino Nikolaevich da Rússia
Mãe Alexandra Iosifovna
Nascimento 14 de Fevereiro de 1850
São Petersburgo, Império Russo
Morte 26 de janeiro de 1918 (67 anos)
Tashkent, Rússia (actual Uzbequistão)
Enterro Catedral de São Jorge, Tashkent, Uzbequistão

Nicolau Constantinovich da Rússia (14 de fevereiro de 1850 - 26 de janeiro de 1918) foi o filho mais velho do grão-duque Constantino Nikolaevich da Rússia e da grã-duquesa Alexandra Iosifovna. Era neto do czar Nicolau I da Rússia.

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Nicolau em criança com o seu pai, o grão-duque Constantino.

Nascido em São Petersburgo, em meados do século XIX, na família Romanov, Nicolau teve uma infância muito privilegiada. A grande maioria das crianças reais eram educadas por amas e criados, por isso quando o grão-duque chegou à idade adulta, estava habituado a uma vida muito independente, tendo-se tornado um oficial militar de mérito e um mulherengo incorrigível. Tinha um caso amoroso com uma conhecida senhora americana chamada Fanny Lear. Este caso amoroso levou-o a trair a sua família, uma vez que, com a ajuda da amante, Nicolau roubou três diamantes valiosos de um ícone que pertencia à sua mãe. Foi declarado louco e banido para as profundezas do Império Russo, sem nunca mais voltar a casa.

Últimos Anos[editar | editar código-fonte]

Nicolau viveu durante muitos anos sob constante vigilância na zona à volta de Tashkent, no sudeste da Rússia, e contribuiu muito para o desenvolvimento da cidade usando a sua fortuna pessoal. Em 1890, ordenou a construção do seu próprio palácio em Tashkent para viver e para mostrar a sua grande e valiosa colecção de obras de arte. O palácio e a colecção são actualmente o Museu de Artes Estatal do Uzbequistão. Também é conhecido em Tashkent por ser um engenheiro e irrigador competente, tendo construído dois grandes canais, o Bukhar-aryk (que foi mal alinhado e pouco depois foi assoreado) e o Khiva-Aryk que durou muito mais tempo e acabaria por ser alargado mais tarde, tornando-se o Canal do Imperador Nicolau I, irrigando 12,000 hectares, 33,000 acres (134 km²) de terra no "Estepe da Fome" entre Djizak e Tashkent. A maior parte desta região seria depois ocupada por camponeses eslavos.

Nicolau teve vários filhos de várias mulheres e uma das suas netas, Natalya Androssov Iskander Romanov, morreu em Moscovo em 1999.

Morte[editar | editar código-fonte]

Nicolau morreu de pneumonia a 26 de janeiro de 1918 e foi enterrado na Catedral de São Jorge em Tashkent (que seria mais tarde demolida por ordem do regime soviético) e, apesar de a revolução ter já começado, teve direito a um funeral de estado, uma vez que era muito admirado pela população local.

Família[editar | editar código-fonte]

Nicolau casou-se com Nadezhda Alexandrovna von Dreyer, filha de um chefe-de-polícia de Orenburgo chamado Alexander Gustavovich Dreyer e de Sophia Ivanovna Opanovskaya, em 1882. Teve dois filhos deste casamento:

  • Artemi Nikolaevich Romanovsky-Iskander (1883-1919Título do link), morto durante a Guerra Civil Russa;
  • Alexander Nikolaevich Romanovsky-Iskander (15 de novembro de 1889 - 8 de Outubro de 1935), casado com Olga Iosifovna Rogovskaya de quem teve dois filhos. O casal acabaria por se divorciar e Alexander voltou a casar-se, desta vez com Natalya Khanykova de quem não teve filhos.

Entre os seus filhos ilegítimos encontravam-se: Com Alexandra Abasa:

  • Olga Nikolaevna Wolinskaya (Maio de 1877 – 1910)
  • Nicolau Nikolaevich Wolinsky (11 de Dezembro de 1878 – 30 de Dezembro de 1913)

Com amantes desconhecidas:

  • Stanislav (d. 1919)
  • Nicolau (d. 1922)
  • Daria (d. 1966)
  • Tatiana (died ?)

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Nicolau Constantinovich da Rússia em três gerações1
Nicolau Constantinovich da Rússia Pai:
Constantino Nikolaevich da Rússia
Avô paterno:
Nicolau I da Rússia
Bisavô paterno:
Paulo I da Rússia
Bisavó paterna:
Maria Feodorovna da Rússia
Avó paterna:
Alexandra Feodorovna da Rússia
Bisavô paterno:
Frederico Guilherme III da Prússia
Bisavó paterna:
Luísa de Mecklemburgo-Strelitz
Mãe:
Alexandra Iosifovna
Avô materno:
José de Saxe-Altemburgo
Bisavô materno:
Frederico de Saxe-Altemburgo
Bisavó materna:
Carlota Jorgina de Mecklemburgo-Strelitz
Avó materna:
Amélia de Württemberg
Bisavô materno:
Luís de Württemberg
Bisavó materna:
Henriqueta de Nassau-Weilburg

Referências

  1. The Peerage, consultado a 23 de Junho de 2012.
Commons
O Commons possui multimídias sobre Nicolau Constantinovich da Rússia