No Quarter: Jimmy Page and Robert Plant Unledded

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
No Quarter: Jimmy Page & Robert Plant Unledded
Álbum ao vivo de Page & Plant
Lançamento 8 de novembro de 1994 (1994-11-08)
Gravação Agosto de 1994
Gênero(s) Rock
Duração 75:38 (Versão original)
79:32 (reedição de 2004)
Idioma(s) Inglês
Gravadora(s) Atlantic
Produção Jimmy Page e Robert Plant
Cronologia de Page & Plant
Último
Último
Walking into Clarksdale
Próximo
Próximo
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg[1]

No Quarter é um álbum ao vivo da dupla Jimmy Page e Robert Plant, ambos membros da antiga banda britânica de rock Led Zeppelin. Foi lançado pela Atlantic Records em 14 de outubro de 1994. O reencontro tão esperado entre Jimmy Page e Robert Plant ocorreu em um projeto "Unledded" de 90 minutos da MTV, gravado no Marrocos, País de Gales e Londres, que foi muito bem classificado na rede de televisão. Não foi uma reunião do Led Zeppelin, no entanto, como o ex-baixista e tecladista John Paul Jones não estava presente. Na verdade, Jones não foi sequer falado sobre o reencontro com seus ex-companheiros de banda. Mais tarde, ele comentou que estava descontente com Plant e Page nomearem o álbum como "No Quarter", uma canção do Led Zeppelin, que foi em grande parte o seu trabalho.[2]

Além de números acústicas, o álbum apresenta uma releitura de clássicos do Led Zeppelin, junto com quatro canções marroquinas de influência do Oriente Médio: "City Don't Cry", "Yallah" (ou "The Truth Explodes"), "Wonderful One", e "Wah Wah".

O álbum ficou na 4ª posição em sua estreia no gráfico Pop Albums da Billboard.

Vários anos depois, Plant refletiu sobre a colaboração muito positiva:

A vontade e o entusiasmo com Unledded eram fantásticos e [Page] foi muito criativo. Jimmy e eu fomos em um quarto e ele estava de volta. Seus riffs foram espetaculares. Para levá-lo, tanto quanto nós, e da turnê que fizemos – é uma das experiências mais ambiciosas e que alteram a mente.[3]

Faixas do CD[editar | editar código-fonte]

Todas as músicas são de Jimmy Page e Robert Plant, exceto onde indicado.

Versão original[editar | editar código-fonte]

Inicialmente, o álbum foi lançado nos Estados Unidos, com as seguintes faixas:

  1. "Nobody's Fault but Mine" – 4:06
  2. "Thank You" – 5:47
  3. "No Quarter" (John Paul Jones/Page/Plant) – 3:45
  4. "Friends" – 4:37
  5. "Yallah" – 4:59
  6. "City Don't Cry" – 6:08
  7. "Since I've Been Loving You" (Jones/Page/Plant) – 7:29
  8. "The Battle of Evermore" – 6:41
  9. "Wonderful One" – 4:57
  10. "That's the Way" – 5:35
  11. "Gallows Pole" (Traditional arr. Page/Plant) – 4:09
  12. "Four Sticks" – 4:52
  13. "Kashmir" (Page/Plant/John Bonham) – 12:27

Reedição de 2004[editar | editar código-fonte]

Para o décimo aniversário, o álbum foi relançado com uma capa diferente e as seguintes faixas:

  1. "Nobody's Fault but Mine" – 3:57
  2. "No Quarter" (Jones/Page/Plant) – 3:47
  3. "Friends" – 4:35
  4. "The Truth Explodes" (anteriormente conhecida como "Yallah") (Page/Plant) – 4:42
  5. "The Rain Song" – 7:29
  6. "City Don't Cry" [Edição] – 3:15
  7. "Since I've Been Loving You" (Jones/Page/Plant) – 7:28
  8. "The Battle of Evermore" – 6:40
  9. "Wonderful One" [Edit] – 3:23
  10. "Wah Wah" – 5:24
  11. "That's the Way" – 5:37
  12. "Gallows Pole" (Traditional arr. Page/Plant) – 4:17
  13. "Four Sticks" – 4:57
  14. "Kashmir" (Page/Plant/Bonham) – 12:36

Lançamento em DVD[editar | editar código-fonte]

O décimo aniversário da gravação dos concertos Unledded foi comemorado por um lançamento em DVD de músicas adicionais, uma entrevista de bônus, uma montagem de imagens do Marrocos, a performance da banda de "Black Dog" para Dick Clark da American Music Awards e o vídeo para a música "Most High" do álbum Walking into Clarksdale. As canções incluídas no lançamento em DVD não incluídas em qualquer lançamento do CD foram "What Is and What Should Never Be" e "When the Levee Breaks". Para compensar a ausência do lançamento em DVD do Live Aid, Page e Plant doaram uma parcela de seus rendimentos para o Band Aid Trust.

Faixas do DVD[editar | editar código-fonte]

  1. "No Quarter" (Jones/Page/Plant)
  2. "Thank You"
  3. "What Is And What Should Never Be"
  4. "The Battle of Evermore"
  5. "Gallows Pole" (Traditional arr. Page/Plant)
  6. "Nobody's Fault but Mine"
  7. "City Don't Cry"
  8. "The Truth Explodes" (anteriormente conhecida como "Yallah") (Page/Plant)
  9. "Wah Wah"
  10. "When the Levee Breaks"
  11. "Wonderful One"
  12. "Since I've Been Loving You" (Jones/Page/Plant)
  13. "The Rain Song"
  14. "That's the Way"
  15. "Four Sticks"
  16. "Friends"
  17. "Kashmir" (Page/Plant/Bonham)
Faixas bônus
  • "Black Dog" (realizado no ABC American Music Awards)
  • Montagem marroquina
  • "Most High" music video
  • Entrevista

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Publicação País Reconhecimento Ano Posição
Metal Hammer  Reino Unido Metal Hammer Albums of '94[4] 1994 14
Mojo Reino Unido The 25 Best Albums of 1994[5] 1994 11
Raw Reino Unido Raw Albums of the Year[6] 1994 14
Mojo Reino Unido Mojo 100 Modern Classics[7] 2001 42

Créditos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Erlewine, Stephen Thomas. No Quarter - Review (em inglês) All Media Guide. Allmusic. Página visitada em 1º de junho de 2014.
  2. Charles Shaar, Murray. (Agosto de 2004). "The Guv'nors" (em inglês). Mojo.
  3. “I first met Jimmy on Tolworth Broadway, holding a bag of exotic fish...”, Uncut, Janeiro de 2009, p. 48.
  4. Metal Hammer albums of '94 (em inglês) rocklistmusic.co.uk. Página visitada em 02 de junho de 2014.
  5. The 25 Best Albums of 1994 (em inglês) rocklistmusic.co.uk. Página visitada em 02 de junho de 2014.
  6. Raw Albums of the Year (em inglês) rocklistmusic.co.uk. Página visitada em 02 de junho de 2014.
  7. Mojo 100 Modern Classics (em inglês) rocklistmusic.co.uk. Página visitada em 02 de junho de 2014.