O Homem de La Mancha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

D. Quixote e Sancho Pança (ilustração de Gustave Doré)

O Homem de La Mancha (no original, Man of La Mancha) é um musical escrito por Dale Wasserman, com música de Mitch Leigh e letras de Joe Darion, baseado em D. Quixote de Cervantes.

Na Broadway, o musical foi apresentado pela primeira vez em 1965, teve 2.329 apresentações[1] e ganhou cinco prêmios Tony.[2] Foi reapresentado inúmeras vezes, tornando-se um dos mais vistos espetáculos de teatro musical e uma das escolhas mais populares das companhias teatrais.

A canção, The Impossible Dream, tornou-se um clássico.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil, a primeira versão foi traduzida por Paulo Pontes e Flávio Rangel e dirigida por Flávio Rangel. A adaptação para o português das canções foi feita por Chico Buarque de Holanda e Ruy Guerra. Estreou em 15 de agosto de 1972 no Teatro Municipal de Santo André, contando com a participação dos atores Paulo Autran, Bibi Ferreira e Dante Rui nos papéis de Dom Quixote, Dulcinéia e Sancho Pança, respectivamente. A seguir, peça passou a ser encenada no Teatro Anchieta, em São Paulo.

Em 15 de janeiro de 1973 foi inaugurado o Teatro Adolpho Bloch, no Rio de Janeiro, com o musical O Homem de La Mancha,quando o personagem de Sancho Pança passou a ser interpretado pelo ator Grande Otelo, permanecendo oito meses em cartaz. Em 1974, O Homem de La Mancha fez temporada popular, de janeiro a março, no Teatro João Caetano, no Rio de Janeiro.

Em 13 de setembro de 2014 entrou em cartaz, no teatro popular do SESI, uma nova montagem do musical como parte do Projeto Educacional SESI-SP em Teatro Musical, disponibilizando entrada franca ao público. Dirigido e adaptado por Miguel Falabella, o espetáculo contou com a influência da obra de Bispo do Rosário tando nos figurinos como no cenário. No elenco Cleto Baccic como Miguel de Cervantes / Don Quixote, Sara Sarres como Aldonza / Dulcinéia, Jorge Maya como Sancho Pança.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre teatro (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.