Pirâmide de Miquerinos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pirâmide de Miquerinos (face norte)

A Pirâmide de Miquerinos é a menor em tamanho e a terceira dentre as mais famosas pirâmides do mundo antigo, as Pirâmides de Gizé.

A pirâmide foi feita para ser tumba do faraó Miquerinos (em egípcio Men-kau-Ra), ele era filho do faraó Quéfren, era o quinto soberano da IV Dinastia.

A descoberta do seu nome aconteceu no século XIX, estava escrito no teto da câmara funerária de uma pirâmide secundária em ocre vermelho e também foi atribuídos a ele um conjunto de monumentos, confirmando que havia sido dada por Heródoto.

O faraó Miquerinos reinou pouco tempo, por este motivo não teve tempo de concluir sua pirâmide.

Com a sua morte a pirâmide foi terminada às pressas, e foi usado material de qualidade inferior, várias partes ficaram inacabados e seus revestimentos de granito para a construção não passaram da décima-sexta fila de pedras.

Em seu tamanho original ela media 66 metros e 44 centímetros, ocupando uma área de 11.807 metros quadrados, hoje se sabe que esta dimensão está reduzida para 62 metros e 18 centímetros.

Ícone de esboço Este artigo sobre arquitetura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.