Placas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Placas
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 26 de setembro
Fundação 01 de Janeiro de 1997[1]
Gentílico plaquense[1]
Lema Trabalho, União, Esperança
Prefeito(a) Leonir Hermes
(2013–2016)
Localização
Localização de Placas
Localização de Placas no Pará
Placas está localizado em: Brasil
Placas
Localização de Placas no Brasil
03° 52' 04" S 54° 13' 12" O03° 52' 04" S 54° 13' 12" O
Unidade federativa Pará Pará
Mesorregião Baixo Amazonas IBGE/2008 [2]
Microrregião Santarém IBGE/2008 [2]
Municípios limítrofes Uruará, Rurópolis, Altamira, Santarém
Distância até a capital Não disponível
Características geográficas
Área 7 173,154 km² [3]
População 23 930 hab. IBGE/2010[4]
Densidade 3,34 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,552 baixo PNUD/2010[5]
PIB R$ 105 637,737 mil IBGE/2012[6]
PIB per capita R$ 4 138,44 IBGE/2012[6]
Página oficial

Placas é uma cidade e um município do estado do Pará, Brasil. Localiza-se na microrregião de Santarém, mesorregião do Baixo Amazonas. O município tem 14 319 habitantes (2003) e 7194 km². Foi criado em 1997.

O curioso nome aprovado pela população por meio de plebiscito, teve origem desde a década de 70, quando se iniciou a abertura da BR-230, popularmente chamada de Transamazônica. Nesta mesma época por ensejo do DNER (Departamento Nacional de Estradas e Rodagens) e o INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), ao demarcarem os trechos da rodovia e terras para os colonos tomarem posse, houve um grande número de divisões de terra na região oeste do Pará, onde o mesmo foi formado o povoado denominado, na época, por Alto Pará. Mesmo possuindo um nome legítimo para o povoado, dificilmente o mesmo era usado para identificar o local. Por existir muitas placas de demarcações na região do povoado, sempre eram utilizadas como referência para localizar a comunidade.

Na década de 90, quando foi aberto o plebiscito para emancipação política e criação do nome da cidade, foi-se cogitado pela maioria da população, o nome de Placas, ao invés de Alto Pará, tendo aprovação no plebiscito.

No ano de 1996, aconteceu a primeira eleição política para a Gestão Municipal.

Na ocasião, Vilmar Ruschel e Franscisco Osmildo Santiago, concorreram ao cargo de Prefeito Municipal para o pleito de 1997-2000.

Francisco Osmildo Santiago foi eleito o 1º Prefeito da cidade de Placas com 1.822 votos válidos.

A primeira formação da Câmara de Vereadores teve os seguintes vereadores eleitos:

Adão Ferreira da Silva (92 votos)

Denilson Rodrigues Amorim (202 votos)

Francisco Moreira Bezerra (121 votos)

João Rodrigues Filho (93 votos)

Jorge Francisco dos Santos (102 votos)

José Agnaldo de Lima Silva (104 votos)

Marinho Pereira do Nascimento (160 votos)

Odilar Faleiro (132 votos)

Solange Cirtol Capitane dos Santos (172 votos)

Referências

  1. a b Placas (PDF) IBGE. Visitado em 26/04/2011.
  2. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  3. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  4. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  5. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 22 de setembro de 2013.
  6. a b PIBMunicipal2008-2012 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 16 dez. 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Pará é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.