Sinfonia concertante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Sinfonia concertante é uma forma musical criada na Era Clássica que une características de sinfonia e concerto:

  • É um concerto, pois possui um ou mais solistas (geralmente mais de um).
  • É uma sinfonia, pois o(s) solista(s) não se destaca(m), ou seja, a impressão geral é sinfônica.

Até o Barroco, a forma que mais se aproximava da sinfonia concertante é o concerto grosso, que caiu em desuso rapidamente.

Classicismo[editar | editar código-fonte]

Durante o Classicismo, vários compositores esforçaram-se em tentar unir os dois gêneros máximos da música instrumental. As principais obras do período são:

Romantismo[editar | editar código-fonte]

Durante o Romantismo a forma continuou a ser usada, embora seu nome tenha sido suprimido na maioria dos casos. Principais exemplos:

Modernismo[editar | editar código-fonte]

No século XX, o nome voltou a ser usado, como podemos observar nas obras:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.