Sultão do Egito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mergefrom 2.svg
O artigo ou secção Lista de sultões do Egito deverá ser fundido aqui. (desde abril de 2015)
Se discorda, discuta sobre esta fusão aqui.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Hussein Kamil, sultão do Egito entre 1914 e 1917

Sultão do Egito é uma extinta posição social, adquirida por governadores do Egito após o estabelecimento da dinastia aiúbida de Saladino, em 1174, perdurando até a conquista do Egito pelos Otomanos, em 1517.

Embora a extensão geográfica do sultanato tenha fluido e refluido, ela geralmente incluía as regiões de Levante e Hejaz. Consequentemente, sultões da dinastia Ayubi e outros sultões mamelucos também foram considerados como sultões da Síria.

A partir de 1914 o título foi novamente utilizado pelos comandantes da dinastia Muhammad Ali do Egito e Sudão, sendo mais tarde substituído pelo título de Rei do Egito e Sudão em 1922.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre Sultões é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.