The Killing Fields

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Killing Fields
Terra sangrenta (PT)
Os gritos do silêncio (BR)
 Reino Unido
1984 • cor • 141 min 
Direção Roland Joffé
Roteiro Bruce Robinson
Elenco Sam Waterston
Haing S. Ngor
John Malkovich
Julian Sands
Craig T. Nelson
Género drama / guerra
Idioma inglês / francês / khmer
Página no IMDb (em inglês)

The Killing Fields (br: Os gritos do silêncio / pt: Terra sangrenta) é um filme britânico de 1984, do gênero drama de guerra, dirigido por Roland Joffé.

O roteiro foi escrito por Bruce Robinson, a produção é de David Puttnam, a trilha sonora de Mike Oldfield e a fotografia de Chris Menges.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Após a chegada de Pol Pot ao poder e a implantação de uma ditadura comunista, um correspondente americano busca encontrar um amigo nos campos de concentração do Cambodja. Durante essa busca, ele testemunha os efeitos do genocídio perpetrado pelos comunistas, responsáveis pelo assassinato de milhões de Cambojanos.

Sam Waterston
John Malkovich

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 1985 (EUA)

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o


Globo de Ouro 1985 (EUA)

  • Venceu na categoria de melhor ator coadjuvante (Haing S. Ngor).
  • Indicado nas categorias de melhor filme - drama, melhor diretor, melhor ator - drama (Sam Waterston), melhor trilha sonora e melhor roteiro.

BAFTA 1985 (Reino Unido)

  • Venceu nas categorias de melhor filme, melhor ator (Haing S. Ngor), melhor roteiro adaptado, melhor fotografia, melhor edição, melhor som, melhor desenho de produção e melhor revelação (Haing S. Ngor).
  • Indicado nas categorias de melhor diretor, melhor ator (Sam Waterston), melhor maquiagem, melhor trilha sonora e melhores efeitos especiais.

Prêmio César 1986 (França)

  • Indicado na categoria de melhor filme estrangeiro.

Prêmio David 1985 (Itália)

  • Venceu na categoria de melhor produtor estrangeiro.

Academia Japonesa de Cinema 1986 (Japão)

  • Indicado na categoria de melhor filme estrangeiro.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Este foi o primeiro trabalho no cinema do ator Haing S. Ngor, um médico cambodjano refugiado nos Estados Unidos da América.
  • Haing S. Ngor tornou-se o primeiro ator originário do sudeste asiático e budista a receber um prêmio da Academia como ator.
  • O ator Spalding Gray escreveu um monólogo sobre suas experiências durante as filmagens, que posteriormente foram adaptadas para o cinema, em 1987, como Swimming to Cambodia.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]