The Sisterhood of the Traveling Pants

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Sisterhood of the Traveling Pants
Quatro Amigas e Um Par de Calças (PT)
Quatro Amigas e um Jeans Viajante (BR)
 Estados Unidos
2005 •  co •  119 min 
Direção Ken Kwapis
Roteiro Delia Ephron
Ann Brashares (livro)
Elenco Amber Tamblyn
Blake Lively
Alexis Bledel
America Ferrera
Kyle Schmid
Gênero Comédia dramática
Lançamento Estados Unidos 1 de junho de 2005
Brasil 16 de setembro de 2005[1]
Idioma Inglês
Orçamento US$ 25 milhões
Receita US$ 42 013 878[2]
Cronologia
Último
Último
The Sisterhood of the Traveling Pants 2
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

The Sisterhood of the Traveling Pants (Quatro Amigas e um Jeans Viajante (título no Brasil) ou Quatro Amigas e Um Par de Calças (título em Portugal)) é um filme norte-americano de 2005, baseado no livro de mesmo nome por Ann Brashares e realizado pela Warner Bros. Pictures. Foi dirigido por Ken Kwapis e escrito por Delia Ephron.

A produção do filme foi fixada em US$25 milhões. O DVD foi lançado nos Estados Unidos em 11 de outubro de 2005 e traz comentários de Amber Tamblyn, Alexis Bledel, America Ferrera e cenas deletadas (comentadas por Kwapis).

Foi exibido no Brasil pelo SBT, apenas uma vez em 29 de agosto de 2009. A partir de 27 de outubro de 2011 passou a ser exibido na Rede Globo. No Brasil, o DVD foi lançado em janeiro de 2006. "Simple", música de Katy Perry, integrou a banda sonora do filme, numa altura em que a cantora ainda não era conhecida, pois seu álbum (A) Katy Perry fora cancelado, em 2004.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Lena (Alexis Bledel), Carmem (America Ferrera), Tibby (Amber Tamblyn), Bridget (Blake Lively) são melhores amigas desde que nasceram e, até os dezessete anos nunca haviam se separado. Mas na véspera de sua primeira separação, elas compraram um jeans que "misteriosamente" servia em todas elas. Durante aquele verão decidiram compartilhar aquele jeans, uma semana com cada uma. Durante o período de trabalho no entanto os personagens cresceram e evoluíram profissionalmente mas esse encontro do acaso na empresa fez com que a amizade crescesse. Uma História cheia de altos e baixos, encontros e desencontros mas cheia de valores, conceitos e amizade.

Elenco[editar | editar código-fonte]

America Ferrera interpretou Carmen Lowell
Alexis Bledel interpretou Lena Kaligaris
Amber Tamblyn interpretou Tibby Rollins
Blake Lively interpretou Bridget Vreeland

Ernie Lively, pai de Blake Lively, também vive o pai dela no filme.

Ator Personagem
Alexis Bledel Lena Kaligaris
America Ferrera Carmen Lucille Lowell
Amber Tamblyn Tibby (Tabitha Anastasia Tomko Rollins)
Blake Lively Bridget Vreeland
Bradley Whitford Albert "Al" Lowell
Jenna Boyd Bailey Graffman
Kyle Schmid Paul Rodman
Kristie Marsden Olivia Foster Godman
Nancy Travis Lydia Rodman Garcia
Rachel Ticotin Sely (Selena Costely Pigolli)
Mike Vogel Eric Moghtayd Lorey
Michael Rady Kostos Douras
Leonardo Nam Brian McBrian
Maria Konstadarou Yia Yia
George Touliatos Papou (Carlos Ryder)
Ernie Lively Leon Sefare Halay
Ana Martini Jubileu Hoomam
Luiz Fernando Rodrigues Chansey Fairy
Gabriel Freitas Spida Maneway
Murilo Fernandes Aza Kishapusa
Carolina Ue Kaolla Roitman
Inês Daniela Pequena Neixa

Recepção[editar | editar código-fonte]

The Sisterhood of the Traveling Pants teve recepção geralmente favorável por parte da crítica especializada. Com base em 34 avaliações profissionais, alcançou uma pontuação de 66 em 100 no Metacritic. Em avaliações positivas, do ReelViews, James Berardinelli: "Embora dirigido principalmente para as meninas na faixa de 12 a 19 anos de idade, há suficiente verdade sobre amizade, amor e vida em The Sisterhood of the Traveling Pants para oferecer entretenimento sólido para quase qualquer um que lhe dá uma chance."

Do USA Today, Claudia Puig: "Um pintinho júnior agitado. Mas ao contrário de muitos de seus colegas mais maduros, ela está afetando emocionalmente, evitando a manipulação e camaradagem estereotipada que muitas vezes estraga o gênero."

Baltimore Sun, Chris Kaltenbach: "Este não é um grande filme, por qualquer meio, também, cheio de personagens de ações em situações de estoque para tal elogio. Mas a oferta tempo na tela é para algumas jovens e finas atrizes abordarem a sua história para um público de meninas adolescentes que merecem algo para se identificar."

Philadelphia Inquirer, Carrie Rickey: "Sisterhood é Stand by Me para meninas, só que mal-humorado, corajoso, melodramático, exuberante, atlético, sem graça, astuto, artístico, arrogante, modesto, impotente e cheio de recursos como suas heroínas adolescentes."

San Francisco Chronicle, Ruthe Stein: "Um argumento poderia ser feito que muitas coisas más acontecem aos bons membros desta irmandade. O filme ocasionalmente oscila à beira da novela, mas em seguida, o mesmo acontece com a vida."

Austin Chronicle, Kimberley Jones: "O fácil, de fala rápida relacionamento entre as quatro jovens mulheres é maior ponto de venda da Irmandade. Muito ruim, portando, que a premissa exige que elas passem a maior parte do filme longe uma da outra."[3]

Com índice de 77%, o Rotten Tomatoes chegou ao consenso: "Esta adaptação de um romance amado encanta os visitantes com seu conto comovente de amizade e da vida adulta; as representações realistas da vida dos adolescentes empresta a sinceridade de uma comédia dramática e pode capturar corações fora do eleitorado central feminino".[4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Quatro Amigas e um Jeans Viajante. InterFilmes, página visitada dia 14 de abril de 2013.
  2. The Sisterhood of the Traveling Pants (em inglês) Box Office Mojo Amazon. Visitado em 7 de maio de 2015.
  3. The Sisterhood of the Traveling Pants (em inglês) Metacritic CBS Interactive. Visitado em 6 de maio de 2015.
  4. The Sisterhood of the Traveling Pants (em inglês) Rotten Tomatoes. Visitado em 17 de dezembro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]