Todos os Nomes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Todos os Nomes
Autor (es) José Saramago
Idioma português
País  Portugal
Género romance
Editora Editorial Caminho
Lançamento 1997
Páginas 279
ISBN 972-21-1137-X
Cronologia
Último
Último
Ensaio sobre a Cegueira
A Caverna
Próximo
Próximo

Todos os nomes é um romance escrito em 1997 por José Saramago.

O romance conta a história de um escriturário do principal cartório de registro da cidade que resolve arranjar um hobby para distrair-se do trabalho monótono. Começa então a colecionar recortes de pessoas famosas. Quando descobre que são todas semelhantes - meras imagens - passa a buscar detalhes da vida da gente simples e desconhecida, até enredar-se em um labirinto intransitável de informações e números, sugerindo que, se a vida se resumiu a números e documentos, é preciso refazê-la.

"Quando acabei de falar, ela perguntou-me, E agora, que pensa fazer, Nada, disse eu, Vai voltar àquelas suas coleções de pessoas famosas, Não sei, talvez, em alguma coisa haverei de ocupar o meu tempo, calei-me um pouco a pensar e respondi, Não, não creio, Porquê, Reparando bem, a vida delas é sempre igual, nunca varia, aparecem, falam, mostram-se, sorriem para os fotógrafos, estão constantemente a chegar ou a partir(...)".
Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Este romance conta-nos a história do Sr. José, empregado da mais baixa categoria de uma fictícia conservatória do Registo Civil. A vida do Sr. José é monótona e medíocre, mas esta personagem tem um passatempo curioso: coleccionar tudo o que na imprensa é publicado sobre personalidades famosas ou conhecidas.

A vida do Sr. José continua igual, como sempre, até que um dia com o verbete de registo duma mulher desconhecida na mão, lhe surge uma questão: por que além de investigar a vida de personalidades famosas como bispos e jogadores de futebol, não vasculha também a vida de um anônimo? E aí o Sr. José parte numa busca desenfreada para encontrar a mulher desconhecida, usando meios por ele nunca antes pensados. Com isso, a monótona vida do pacato e bem comportado Sr. José passa a ganhar cores mais vivas e ele descobre que a vida de um desconhecido pode ser mais interessante do que a mera leitura de dados de um registro civil possa sugerir.

Anotações acerca do romance[editar | editar código-fonte]

  • Na contracapa: "Conheces o nome que te deram, não conheces o nome que tens" Livro das evidências.
  • O romance sofre a influência da obstinada busca do autor, em inúmeros cartórios, da data exata da morte, por broncopneumonia, de seu irmão Francisco, aos quatro anos de idade.
  • Têm uma faceta opinativa.
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: José Saramago