Tower of Power

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tower of Power
Informação geral
Origem Oakland, Califórnia
País  Estados Unidos
Gênero(s) Soul
Funk
Rhythm and blues
Período em atividade 1968 - atualmente
Gravadora(s) Warner Bros. Records
Columbia Records
Sony Records
Or Music
Rhino Handmade
Cypress Records
Integrantes Emilio Castillo
Stephen 'Doc' Kupka
Francis 'Rocco' Prestia
David Garibaldi
Roger Smith
Michael 'Iron Mike' Bogart
Adolfo Acosta
Larry Braggs
Tom Politzer
Mark Harper
Ex-integrantes Mic Gillette
Greg Adams
Skip Mesquite
Brent Byars
Lenny Williams
Lenny Pickett
Michael Jeffries
Chester Thompson
Carmen Grillo
Jeff Tamelier
Tom Bowes
Brent Carter
Ron E. Beck

Tower of Power é uma banda de soul formada em Oakland, Califórnia.

História[editar | editar código-fonte]

Em meados dos anos 1960, Emilio Castillo, saxofonista tenor de apenas 17 anos saiu de Detroit, em Michigan, para Fremont na Califórnia. Ele formou uma banda chamada "The Gotham City Crime Fighters" que se transformou posteriormente no "Motowns", especializando-se em soul music. Em 1968, Castillo juntou-se ao saxofonista barítono Stephen "Doc" Kupka (vulgo "O Doutor Funk") e o trompetista/trombonista Mic Gillette, mudou-se para Oakland e começou a escrever material próprio. Eles mudaram o nome da banda para "Tower Of Power" e começaram a tocar freqüentemente em "Bay Area".

Em 1970, o Tower Of Power (já com o trompetista Greg Adams) assinou um contrato de gravação com a "Bill Graham's San Francisco Records" e rapidamente lançou seu primeiro álbum, "East Bay Grease". Assinaram contrato com a "Warner Bros. Records" e em 1972 lançam o álbum "Bump City" e outro álbum homônimo em 1973, que possui uma das músicas de maior sucesso da banda: "What Is Hip?". Em um de seus lançamentos de meados dos anos 1970, chamado "Urban Reneval", de 1974, a banda foi para o funk, mas sempre continuou a fazer baladas muito bem. Depois que o vocalista Lenny Willians deixou a banda, os dias de sucesso comercial da banda acabaram. No fim dos anos 1970, começaram a produzir sons "disco" para a grande decepção de muitos fãs. Depois disso, os álbuns "Bump City", "Tower Of Power". "Back To Oakland" e "Urban Renewal" estavam parecendo como sendo as grandes realizações do grupo. Estes discos estão também entre os clássicos do R&B dos anos 1970, inclusive o álbum ao vivo da banda gravado em 1976, "Live And Inf Living Colour", é também muito respeitado.

O Tower Of Power tem permanecido através dos anos, e ainda está viajando e tocando. Mudanças de membros fazem parte da história e da evolução da banda; cerca de 60 músicos tocaram, viajaram e/ou tocaram com a banda através dos anos, incluindo o diretor musical do "Saturday Night Live", Lenny Picket; o baterista David Garibaldi; o trompetista Rick Waychesko; o baixista Rocco Prestia; o saxofonista Richard Elliot; e o baixista e fundador do BALCO, Victor Conte (primo do guitarrista Bruce Conte, que tocou com a banda anteriormente e que foi recentemente re-incorporado). Depois de deixar a banda, um dos vocalistas originais, Rick Stevens, foi condenado a prisão em Three Counts por homocídio em primeiro grau. O vocalista original, Rufus Miller, fez a maioria dos vocais principais em "East Bay Grease".

O Tower Of Power lançou 18 álbuns (compilações e lançamentos regionais não estão inclusos na lista), sendo o último de 2003, voltando a forma, o "Oakland Zone". Sem contar que as gravações da banda tornaram-se influências para outros artistas como Little Feat, The Monkees, Carlos Santana, Elton John, Linda Lewis, entre outros. A canção "So Very Hard To Go" foi incluída na trilha sonora do filme "Cidade de Deus".

O Tower Of Power também fez aparições especiais como convidado em discos de grandes artistas. Em 1993, a banda participou do álbum "Aries" de Luis Miguel, em um cover de "Attitude Dance" intitulada "Que Nivel De Mujer". Mais recentemente, o Tower Of Power, participou do álbum "Awake" de Josh Grobam, na faixa instrumental "Machine".

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio
  • 1970: East Bay Grease
  • 1972: Bump City
  • 1973: Tower of Power
  • 1974: Back to Oakland
  • 1974: Urban Renewal
  • 1975: In The Slot
  • 1976: Ain't Nothin' Stoppin' Us Now
  • 1978: We Came to Play!
  • 1979: Back on the Streets
  • 1987: TOP (Lançado apenas na Europa)
  • 1988: Power
  • 1991: Monster on a Leash
  • 1993: T.O.P.
  • 1995: Souled Out
  • 1997: Direct Plus
  • 1997: Rhythm & Business
  • 2003: The Oakland Zone
  • 2009: The Great American Soulbook
Álbuns ao vivo
  • 1976: Live and in Living Color
  • 1988: Direct
  • 1997: Soul Vaccination: Live
  • 2008: East Bay Archive Volume 1
Compilações
  • 1974: Funkland
  • 1999: Dinosaur Tracks
  • 2001: The Very Best of Tower of Power: The Warner Years
  • 2002: Soul With a Capital "S": The Best of Tower of Power
  • 2003: Havin' Fun
  • 2003: What is Hip & Other Hits
  • 2006: What is Hip

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of the United States.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical dos Estados Unidos, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.